Juglandaceae, Família

Descrição da família Juglandaceae, as suas principais características, os locais onde podem ser encontradas, assim como as suas utilizações…

Descrição Família Juglandaceae

juglandaceae

 

Juglandaceae
Reino Filo Classe Ordem Família Género Espécie
 Plantae Magnoliophyta Magnoliopsida Fagales Juglandaceae

 

Distrib. Geográfica Estatuto Conserv. Habitat Necessidades Nutricionais
 Longevidade
 cosmopolita  –  …  … espécie caduca

 

Características Físicas
Anatómicas  porte arbóreo com crescimento secundário
Tamanho  dimensão média, variando com as espécie
folhas com presença de flavonóides

 

Juglandaceae corresponde a uma família de angiospérmicas, que se encontra na ordem Fagales, que pertence à classe Magnoliopsida. Esta é a família das nozes, visto incluir diversas espécies de nogueira.

Esta família é composta por cerca de 10 géneros, que reúnem cerca de 50 espécies. A organização taxonómica desta família levou à sua divisão em duas subfamílias, tendo em conta o sistema APG III.

Principais características:

A família Juglandaceae é constituída maioritariamente por espécies com porte arbóreo de média dimensão, cujo caule possui crescimento secundário (lenhina). As espécies pertencentes a esta família podem ser resinosas ou aromáticas, dependendo da espécie.

As raízes de algumas das plantas desta família produzem substâncias tóxicas que matam e impedem o crescimento de outras plantas de espécies diferentes, assegurando assim uma maior quantidade de nutrientes para si.

As folhas são compostas, estipuladas, possuindo uma distribuição alterna, por vezes oposta. Estas folhas apresentam estomas, geralmente na porção abaxial da folha. Certas espécies da família Juglandaceae possuem diversos compostos nas suas folhas, como por exemplo, flavonóides e compostos fenólicos.

Inicialmente, estas árvores possuem folhas de cor verde, cuja cor (amarela, vermelha, roxa) começa a alterar-se à medida que as condições se tornam mais adversas, acabado por fim por cair, visto tratarem-se de espécies caducas.

As flores são pequenas unissexuais, existindo apenas um sexo por flores, mas ambos estão presentes no mesmo indivíduo. Estas flores surgem em inflorescências (terminais ou axiais), sendo que as masculinas designam-se por amentilhos, apresentando 3 a 6 tépalas e até 20 estames. As flores femininas podem encontrar-se solitárias ou em amentilhos, apresentando até 4 tépalas, 2 a 3 carpelos fundidos formando um ovário ínfero.

A polinização ocorre com o auxílio do vento. Os frutos produzidos pelos membros desta família são nozes, no entanto, quando se encontram envoltos em brácteas, são considerados por alguns especialistas como sendo drupas, apesar de tratarem-se de pseudofrutos. Estes frutos esféricos são normalmente verdes quando maduros.

As sementes são grandes e não apresentam endosperma, existindo apenas uma por cada fruto. O tamanho das sementes favorece a sua dispersão por animais, como por exemplo os esquilos que as consideram alimento.

Distribuição e utilizações:

As espécies da família Juglandaceae possuem uma ampla distribuição, existindo exemplares em todos os continentes. A sua distribuição encontra-se particularmente centrada nas regiões temperadas do Hemisfério Norte, no entanto, também podem ser encontradas nas regiões subtropicais em ambos os hemisférios, particularmente em certas regiões da América Central.

Esta família possui espécies com elevado valor económico, visto serem utilizados como espécies ornamentais em jardins ou ao longo de estradas devido à variação cor das suas folhas, que durante o outono cria paisagens deslumbrantes.

Os frutos desta família há muito que fazem parte da alimentação dos seres humanos, tendo durante séculos constituído a base da alimentação do povo nas regiões mais rurais de Portugal. Actualmente estes frutos continuam a possuir importância na alimentação, visto ser um fruto muito apreciado e que pode ser utilizado na criação de diversos pratos, desde receitas doces a salgadas.

Estes frutos são também consumidos por diversos mamíferos, particularmente roedores, que normalmente os escondem nas suas tocas, acabando de forma indirecta por contribuir para a dispersão dessas espécies.

As nozes podem também ser utilizadas na indústria cosmética e farmacêutica devido às suas propriedades e aos óleos que produzem. As folhas e outras partes de algumas espécies são continuamente utilizadas na criação de chás, visto possuírem propriedades anticépticas e antidiuréticas, podendo ser utilizados no tratamento de inflamações.

 Alguns estudos demonstraram que certas plantas desta família possuíam propriedades anti-cancerígenas e antioxidantes, continuando a desenvolver-se estudos que tentam demonstrar a sua utilidade na luta contra o cancro.

A madeira de certas espécies possui também elevado valor económico por ser utilizado na criação de mobiliário, artesanato e na construção civil, pelo seu uso em acabamentos interiores, como por exemplo rodapés.

1045 Visualizações 1 Total

References:

Milliken, W. (2009). Neotropical Juglandaceae. In: Milliken, W., Klitgård, B. & Baracat, A. (2009 onwards), Neotropikey – Interactive key and information resources for flowering plants of the Neotropics. Consultado em: Agosto 31, 2016, em http://www.kew.org/science/tropamerica/neotropikey/families/Juglandaceae.htm.

Watson, L., and Dallwitz, M.J. 1992 onwards. The families of flowering plants: descriptions, illustrations, identification, and information retrieval. Consultado em: Agosto 31, 2016, em http://delta-intkey.com/angio/www/juglanda.htm

Fagales. (2016). Encyclopædia Britannica. Consultado em: Agosto 31, 2016, em https://www.britannica.com/plant/Fagales

1045 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

Gostaria de ser nosso colaborador?

É especialista em alguma das áreas de conhecimento presentes na nossa enciclopédia? Tem gosto pela escrita? Gostaria de ser editor numa enciclopédia em português, integralmente escrita por especialistas? Gostaria de partilhar conhecimento?

Se a sua resposta é sim, então envie-nos o seu CV para geral@knoow.net para que possamos analisar e enviar mais detalhes sobre a forma de colaboração.

 

Áreas para as quais procuramos especialistas:

  •  Biologia
  •  Economia
  •  História
  •  Medicina
  •  Medicina Veterinária
  •  Filosofia
  •  Sociologia
  •  Contabilidade
  •  Direito
  •  Mecânica
  •  Química
  •  Física
  •  Matemática