Miranda do Douro (Portugal)

Apresentação da cidade de Miranda do Douro e do seu concelho: caracterização sócio-económica, histórica, heráldica, património histórico, edificado e património natural.

Miranda do Douro é uma cidade portuguesa e sede de concelho pertencente ao distrito de Bragança localizada na região Norte e sub-região do Alto Trás-os-Montes. Segundo os Censos de 2011, a cidade de Miranda do Douro conta com 2.085 pessoas e o município conta com uma área de 487 km2 e tem uma população de 7.482 habitantes num total de 13 freguesias, a saber: União das Freguesias de Constantim e Cicouro, Duas Igrejas, Genísio, União das Freguesias de Ifanes e Paradela, Malhadas, Miranda do Douro, Palaçoulo, Picote, Póvoa, São Martinho de Angueira, União das Freguesias de Sendim e Atenor, União das Freguesias de Silva e Águas Vivas e Vila Chã de Braciosa. Faz fronteira com Espanha e, ainda com os concelhos de Mogadouro e Vimioso.

 

História da cidade:Miranda do Douro 1

A 18 de Dezembro de 1286 é fundada a vila de Miranda, na altura elevada à categoria de Vila no seguimento do Tratado de Alcanizes, assinado pelo Rei D. Dinis, Rei de Portugal, e o Rei Fernando IV, Rei de Castela e Leão. Nesse tratado ficou consagrado a divisão territorial e as fronteiras entre os dois reinos, ficando assegurado no caso de Miranda que nunca sairia da Coroa. Com uma importância crescente nas vilas limítrofes em Trás-os-Montes, Rei D. João III eleva Miranda do Douro à categoria de cidade a 10 de Julho de 1545, tornando-se, também, a primeira diocese de Trás-os-Montes e, consequentemente, a Capital de Trás-os-Montes, sede do bispado e de outros responsáveis eclesiásticos.

Mas esta preponderância iria-se perder face a uma tragédia que ocorreu devido à Guerra dos Sete Anos, com o exército de Carlos III a invadir Trás-os-Montes, em 1762, tendo atingido o paiol de pólvora da cidade e, por consequência, faleceram cerca de 400 pessoas. Com isso, os responsáveis episcopais decidiram trocar Miranda do Douro por Bragança como sede do patriarcado.

Já no século XX, em 1955, com a construção das barragens de Picote e Miranda, o concelho viveu um novo período de desenvolvimento, graças aos serviços e comércio existentes no qual, tanto os locais como os vizinhos espanhóis procuram satisfazer as suas necessidades. Miranda do Douro é, também, o “berço” da Língua Mirandesa, actualmente falada entre 8.000 e 20.000 habitantes, sendo reconhecida como uma das línguas oficiais de Portugal.

70282_Antiga_Sé_de_Miranda_do_Douro

Património Natural e Edificado do Concelho:

No que toca ao Património Edificado do Concelho de Miranda do Douro, o destaque vai para o Centro Histórico de Miranda do Douro, com a Sé Catedral e o Castelo como monumentos proeminentes do concelho do distrito de Bragança. O Ermitério d’ Os Santos, o Museu da Terra de Miranda e a Barragem de Picote são outras infra-estruturas de relevo para o concelho mirandense. No que toca ao Património Natural do Concelho, o Rio Douro e o Parque Natural do Douro Internacional conferem vital importância para a vida económica, ambiental e social do concelho. O miradouro de São João das Arribas e o da Fraga Amarela são alguns dos mais imponentes da mais de dezena de miradouros existentes no concelho.

 

brasão miranda do douroBrasão da Cidade:

O Brasão da Cidade de Miranda do Douro tem Armas de ouro com um castelo vermelho, aberto, e iluminado a prata. A torre central encimada por um crescente de vermelho apontado ao centro do escudo. Coroa mural de cinco torres de prata. Listel com os dizeres “Cidade de Miranda do Douro” a negro. O ouro indicado para o campo é o metal rico em heráldica e significa felicidade, constância e poder. O castelo e o crescente são de vermelho por ser o esmalte que significa vitória, ardis e guerra. E o castelo aberto e iluminado de prata porque é o metal que significa humildade e riqueza.

 

Acordos de Geminação e Cooperação:

cidade de Miranda do Douro  conta com 2 acordos de cooperação e geminação, a saber:

  • Aranda de Duero é um concelho espanhol da Região de Burgos com mais de 32.000 habitantes (desde 28 de Junho de 1984)
  • Bimenes é um município espanhol com cerca de 2.000 habitantes (desde 26 de Agosto de 1999)
343 Visualizações 1 Total
343 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

Gostaria de ser nosso colaborador?

É especialista em alguma das áreas de conhecimento presentes na nossa enciclopédia? Tem gosto pela escrita? Gostaria de ser editor numa enciclopédia em português, integralmente escrita por especialistas? Gostaria de partilhar conhecimento?

Se a sua resposta é sim, então envie-nos o seu CV para geral@knoow.net para que possamos analisar e enviar mais detalhes sobre a forma de colaboração.

 

Áreas para as quais procuramos especialistas:

  •  Biologia
  •  Economia
  •  História
  •  Medicina
  •  Medicina Veterinária
  •  Filosofia
  •  Sociologia
  •  Contabilidade
  •  Direito
  •  Mecânica
  •  Química
  •  Física
  •  Matemática