Insucesso escolar

O insucesso escolar relaciona-se com diferentes fatores como falta de motivação, desinteresse, desajustes no ambiente escolar, baixa autoestima, entre outros.

O insucesso escolar relaciona-se com diferentes fatores como falta de motivação, desinteresse, desajustes no ambiente escolar, baixa autoestima, entre outros.

Segundo os vários trabalhos de Roazzi e Almeida (1988) o insucesso escolar está ligado a diferentes origens tais como a motivação, a falta de bases, a falta de capacidades, a estrutura educativa dos alunos, o desempenho dos próprios professores, entre muitos outros.

Em relação ao fator desmotivação, são vários os estudos que mencionam a mesma falando do desinteresse desenvolvido pelos alunos ao longo do seu ciclo académico, o que se traduz no dito insucesso (Robinson, & Tayler, 1988).

No entanto, os autores acreditam que a formação, adequação e adaptação dos professores aos programas de acordo com o tipo de alunos que têm à sua frente, poderá ser um catalizador no que concerne aos resultados (Roazzi, & Almeida, 1988).

Uma das funções mais importantes a ter em consideração quando se coloca o motivo para o insucesso escolar, é compreender a relação que existe entre os professores e os alunos, ou seja, o tipo de comunicação que é estabelecido na sala de aula (Roazzi, & Almeida, 1988).

Alguns dos fatores que influenciam para que exista insucesso prendem-se com a não adaptação da escola às diferentes realidades que os seus alunos vivem, o que faz com que nem todos tenham as mesmas oportunidades independentemente da classe social, do grupo cultural etc (Roazzi, & Almeida, 1988).

Devido a esta situação, muitos são os alunos que, baseados nos resultados, devido as dificuldades que sentem, acabam por perder a sua autoestima, tornando-se este cenário num alto preditor do insucesso a que muitas vezes se assiste (Robinson, & Tayler, 1988).

Por vezes, esta mesma situação torna a escola como um obstáculo aos alunos mais carenciados, devido ao facto de não promover a igualdade para todos independentemente do nível sócio económico (nse) (Roazzi, & Almeida, 1988).

Conclusão

O insucesso escolar é provocado por vários fatores, geralmente, reconhecidos de forma simular pela grande maioria dos autores. Fala-se de desmotivação, desinteresse, baixa autoestima, dificuldades de comunicação entre professores e alunos, entre muitos outros. Uma das situações que os estudos apontam como sendo das mais significativas no que diz respeito ao insucesso escolar é o facto de que, ainda hoje, nem todas as escolas se adaptam às diferentes realidades, o que significa que alunos mais carenciados experimentam dificuldades de acesso às mesmas oportunidades dos outros alunos.

106 Visualizações 1 Total

References:

  • Roazzi, A, & Almeida, L.S. (1988). INSUCESSO ESCOLAR: INSUCESSO DO ALUNO OU INSUCESSO DO SISTEMA ESCOLAR? REVISTA PORTUGUESA DE EDUCAÇÃO, 1998, 1 (2), 53-60. 1988 – UNIVERSIDADE DO MINHO;
  • Robinson, W.P, & Tayler, C.A. (1988). Auto-estima, desinteresse e insucesso escolar em alunos da Escola Secundária. Análise Psicológica (1988),1 (v): 106-113.
106 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.