Loeb, Sebastien

Sebastien Loeb é um piloto francês de automobilismo, recordista de vitórias no campeonato de ralis convertido, actualmente, às provas do Dakar e do RallyCross.

Quem é Sebastien Loeb

Sebastien Loeb é um piloto francês de automobilismo, recordista de vitórias no campeonato de ralis convertido, posteriormente, às provas do Dakar e do RallyCross.

Sebastian Loeb

(1974 – …)

loeb-sebastien-01

Dados Biográficos

  • Nome completo: Sebastien Loeb
  • Nascimento: 26 de fevereiro de 1974 (Haguenau, Alsácia, França)
  • Morte:
  • Nacionalidade: francesa

Cargos, Funções, Actividades Profissionais

  • Áreas em que se distinguiu: Desporto automóvel – Rali
  • Profissão: Piloto de rali
  • Instituições/Equipas/Marcas: Citroën, Kronos Total Citroën, Pescarolo Sport
  • Títulos, prémios e distinções: Campeonatos Mundiais de Ralis: 9;

Sebastien Loeb começou por se dedicar em exclusivo à condução, depois de em novo ter sido um dos melhores como ginasta a nível nacional. Nasceu a 26 de Fevereiro de 1974 e 21 anos depois percebeu que os carros seriam a sua forma de ganhar a vida. Ainda tirou um curso de engenharia eléctrica mas a sua habilidade e a propensão para andar rápido com um carro já lhe corria pelo sangue. Em 1998, Sebastien Loeb já marcou presença no Trofeu Citroen Saxo que levaria de vencida no ano seguinte, ano em que também se estreou na categoria máxima do WRC, estreando-se no Rali da Catalunha de 1999, ao qual se juntam as presenças no Rali da Córsega e no Rali de São Remo. Em 2000, já conseguiu duas classificações à geral dentro dos dez primeiros no rali da Córsega e Rali de São Remo, sendo que foram conseguidas com um carro de WRC. Em 2001, o francês privilegiou o campeonato de WRC Júnior, o qual dominou, ao vencer cinco das seis provas que constituíam o calendário mas o destaque foi para a segunda posição no Rali de São Remo conseguida pelo francês numa oportunidade concedida pela marca francesa depois de ter conquistado o campeonato júnior. Este resultado catapultou-lhe um lugar com Daniel Elena como navegador na equipa da Citroen para a época de 2002. Abriu essa época com um segundo lugar no Rali de Monte Carlo e, mais tarde, alcançaria a primeira vitória num rali, no caso no Rali da Alemanha. Ainda não participava em todas as provas do calendário do WRC, o que já não aconteceria no ano seguinte, ano em que ficaria em segundo na geral, com três vitórias em ralis e mais quatro pódios. De 2004 até ao ano de 2012, só deu Sebastien Loeb como vencedor do campeonato WRC de ralis, sendo o recordista de vitórias no campeonato, estabelecendo uma marca difícil de bater. Estabeleceu alguns recordes, como o de maior número de ralis ganhos num ano com onze triunfos no ano de 2008, bateu o recorde de maior número de ralis ganhos de forma consecutiva em 2005, com seis triunfos seguidos, sendo que nesse anos foi capaz de vencer todas as etapas do rali da Córsega, algo que nunca tinha sido conseguido por qualquer piloto e estabeleceu a maior diferença de pontos entre o primeiro e segundo classificado, com 56 pontos entre o francês e o norueguês Petter Solberg. Mas nem tudo foi rosas para o francês. Em 2006, Sebastien Loeb lesiona-se enquanto andava de bicicleta e falha as últimas quatro rondas desse ano devido a essa situação. Venceu porque em todas as restantes provas que participou, demonstrou uma regularidade impressionante, terminando sempre em primeiro ou segundo, no caso, com oito vitórias e mais quatro pódios. Durante esses nove anos em que foi campeão, Loeb ganhou 72 ralis e teve mais 30 pódios. Nestes nove anos de domínio de Loeb e de Elena, a Citroen venceu o título de construtores por sete ocasiões, falhando os anos de 2006 e 2007, anos em que a Ford triunfou, sendo que em 2006, a Citroen teve presença com uma equipa privada. Ainda participou em ralis de forma pontual em 2013 e 2015, tendo conseguido mais duas vitórias, em Monte Carlo e Argentina, o último que venceu no WRC.

Mas Sebastien Loeb não é só ralis. Já participou nas 24 Horas de Le Mans, no Campeonato dos Carros de Turismo, no Rali Paris-Dakar, no Campeonato de FIA GT, na Porsche Supercup e no World RallyCross. Destaque para os resultados no Campeonato dos Carros de Turismo onde o francês ficou em terceiro lugar nos dois anos em que esteve presente (2014 e 2015), alcançando seis vitórias em corridas, o segundo lugar nas 24 Horas de Le Mans e, este ano, as quatro vitórias em classificativas do Paris-Dakar, estando a participar durante o ano no World RallyCross.

539 Visualizações 1 Total
539 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

Gostaria de ser nosso colaborador?

É especialista em alguma das áreas de conhecimento presentes na nossa enciclopédia? Tem gosto pela escrita? Gostaria de ser editor numa enciclopédia em português, integralmente escrita por especialistas? Gostaria de partilhar conhecimento?

Se a sua resposta é sim, então envie-nos o seu CV para geral@knoow.net para que possamos analisar e enviar mais detalhes sobre a forma de colaboração.

 

Áreas para as quais procuramos especialistas:

  •  Biologia
  •  Economia
  •  História
  •  Medicina
  •  Medicina Veterinária
  •  Filosofia
  •  Sociologia
  •  Contabilidade
  •  Direito
  •  Mecânica
  •  Química
  •  Física
  •  Matemática