Dave Grohl

Dave Grohl é o atual líder da banda Foo Fighters e o ex baterista dos Nirvana, tendo passado também por bandas como os Queens of the Stone Age e Them Crooked Vultures.

 

Resultado de imagem para dave grohl

 

Músico, cantor e compositor. David Eric Grohl nasceu a 14 de janeiro de 1969, em Warren, Ohio. Primeiro como baterista dos Nirvana e depois como líder dos Foo Fighters, Dave Grohl tornou-se uma das principais figuras do rock. Mudou-se de Ohio para Virgínia quando tinha três anos. Filho de um jornalista e professor de inglês, ele morava com a mãe e a irmã mais velha, Lisa, depois dos seus pais se divorciaram quando tinha seis anos.

O interesse de Grohl pela música surgiu cedo. Começou a tocar guitarra desde cedo e com dez anos, Grohl formou a H. G. Hancock Band com um amigo. Pouco tempo depois, ele foi apresentado ao punk rock por um dos seus primos. Mas tarde ele juntou-se a uma banda em Washington, D.C., os Scream. Grohl apareceu em três dos álbuns do grupo e viajou várias vezes com eles.

 

Nirvana

Durante uma tour, Grohl encontrou membros da banda Melvins, uma banda de punk e foi nos bastidores de um concerto dos Melvins que Grohl viu Kurt Cobain e Krist Novaselic dos Nirvana pela primeira vez. Grohl não falou com os seus futuros companheiros de banda naquela noite. Mas graças a Buzz Osbourne dos Melvins, Dave fez audições para os Nirvana no final desse ano. Grohl viajou para Seattle, com a esperança de se tornar o novo baterista dos Nirvana. Assim que ele tocou para eles pela primeira vez, Cobain e Novoselic achavam que ele seria perfeito para sua banda.

Depois de se juntar ao grupo, Grohl viveu com Cobain por uns tempo. Em breve, as principais produtoras interessaram-se pelos Nirvana, oferecendo contratos com grandes avanços. Eles acabaram a assinar com a Geffen Records. O primeiro lançamento com eles, foi o álbum Nevermind em 1991, que se tornou um grande sucesso, conduzido em parte pelo single “Smells Like Teen Spirit”.

As pressões que acompanharam todo o sucesso da banda pesaram fortemente sobre o grupo, especialmente em Cobain, que se afundou no abuso de drogas. O relacionamento de Cobain com a cantora Courtney Love também colocou uma pressão sobre os relacionamentos da banda. Fora da banda, Grohl juntou um projeto a solo, gravando algumas faixas para uma versão única em cassete chamada Pocketwatch.

A banda criou mais um álbum de estúdio, In Utero (1994). A revista Rolling Stone chamou-o de “brilhante, corrosivo, enfurecido e pensativo, uma maioria deles tudo de uma vez”. Enquanto Cobain tratava das letras, Novoselic e Grohl ajudaram a escrever a música “Scentless Apprentice”. No entanto Cobain estava cada vez mais distante e tornou-se mais depressivo. Cobain tentou o suicídio com excesso de drogas em março de 1994, em Roma, durante uma pausa durante a turnê europeia da banda. Em 6 de abril de 1994, Cobain suicidou-se. Após a morte de Cobain, os restantes membros dos Nirvana ganharam o Grammy Award pela sua gravação ao vivo na MTV, chamado Unplugged em Nova York (1994).

 

Imagem relacionada

 

Foo Fighters

Depois dos Nirvana, Grohl formou os Foo Fighters. Inicialmente, ele era praticamente a banda inteira tocando a maioria dos instrumentos, cantando os vocais e usando músicas que ele tinha escrito enquanto ainda estava com os Nirvana. A gravação do primeiro álbum ganhou opiniões positivas e gerou dois sucessos de rock modernos, “This Is A Call” e “I’ll Stick Around”, bem como “Big Me”, que também foi um sucesso nas tabelas. Quando chegou a hora de fazer turnês, Grohl trouxe o baixista Nate Mendel e o baterista William Goldsmith (e o guitarrista Pat Smear (que fazia parte da turnê final dos Nirvana).

O primeiro álbum dos Foo Fighters como banda, The Color and the Shape, saiu em 1997. Por esse tempo, Goldsmith desistiu e foi substituído por Taylor Hawkins. O álbum chegou ao top dez das tabelas de álbuns e apresentou faixas como “Monkey Wrench”, “Everlong” e “My Hero”. Repetindo esse feito em 1999, com o álbum There Is Nothing Left to Lose, os Foo Fighters ganharam o seu primeiro Grammy de melhor álbum de Rock em 2000. O álbum teve um single separador em “Learn to Fly”, e o vídeo da música ganhou o Grammy de melhor videoclip em 2000.

Tal como todo o sucesso anterior os Foo Fighters vieram a crescer exponencialmente com todos os álbuns que se sucederam e arrecadaram imensos prémios.

 

Imagem relacionada

 

Não é apenas com os Foo Fighters que Dave Grohl se ocupa. Em 2002, ele participou no álbum Songs for the Deaf da banda Queens of the Stone Age tocando bateria e fazendo alguns concertos.

Dave também participou no filme Tenacious D, a palheta do Destino e no clipe “Beelzeboss” da banda Tenacious D, formada por Jack Black e Kyle Gass, fazendo o papel do demónio no filme, além de participar como baterista de todo o álbum The Pick of Destiny.

Em 2004 ele lançou o Probot, projeto que reuniu grandes nomes do metal, e ídolos de Dave Grohl, como Lemmy (Motörhead), Max Cavalera (Sepultura, Soulfly), Cronos (Venom) entre outros para gravar um álbum com o Probot, com onze faixas, lançado pela Southern Lord Records.

Fora da música, Grohl é um pai e um marido empenhado. Foi casado com a produtora de televisão Jordyn Blum em 2003. O casal teve o seu primeiro filho, uma menina chamada Violet, em 2006. Foi também casado com a fotógrafa Jennifer Youngblood entre 1994 e 1997.

1108 Visualizações 2 Total
1108 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.