Dawkins, Richard

Richard Dawkins é um zoólogo e um escritor popular de livros de divulgação científica, sobretudo acerca da evolução biológica. O biólogo britânico, nascido no Quénia em 1941, também é conhecido pela sua militância entusiástica pelo ateísmo.

Vida pessoal e educação

Clinton Richard Dawkins nasceu a 26 de março de 1941 em Nairobi, a capital do Quénia. O Quénia naquela altura era uma colónia inglesa e a sua família mudou-se para lá temporariamente para se proteger da segunda guerra mundial. A sua família regressou à Inglaterra em 1949.

Dawkins formou-se em Zoologia pela universidade de Oxford, onde também lecionou.

Foi casado três vezes. Primeiro com Marian Stamp em 1967, depois com Eve Barham em 1984 com quem teve uma filha, a Juliet Emma Dawkins. Em 1992 casou-se com a atriz Lalla Ward.

Obra: livros e documentários

A obra de Richard Dawkins é marcada por uma divulgação empenhada da teoria da evolução biológica e por uma forte convicção no ateísmo. Foi o autor de diversos livros que incluem os seguintes:

a) The Selfish Gene / O Gene Egoísta – 1976;

b) The Extended Phenotype / O Fenótipo Estendido – 1982;

c) The Blind Watchmaker / O relojoeiro cego – 1986;

d) River out of Eden / O rio que saía do Éden – 1995;

e) Climbing Mount Improbable / A Escalada do Monte Improvável – 1996;

f) Unweaving the Rainbow / Decompondo o Arco-Íris (pt) / Desvendando o Arco-Íris (br) – 1998;

g) A Devil’s Chaplain / O Capelão do Diabo – 2003;

h) The Ancestor’s Tale / A grande história da evolução – 2004;

i) The God’s delusion / A desilusão de Deus (pt) / Deus, um delírio (br) – 2006;

j) The Greatest Show on Earth / O Espectáculo da Vida (pt) / O Maior Espetáculo da Terra (br) – 2009;

k) The Magic of Reality / A Magia da Realidade – 2011;

l) An Appetite for Wonder / Fome de Saber – 2013.

O Gene Egoísta e A Desilusão de Deus são as suas obras mais comentadas e polémicas.

N’O gene Egoísta, Dawkins defende que o gene é a principal unidade de seleção no processo de evolução, em vez de ser o organismo. Neste livro, Dawkins também propõe o termo meme, análogo ao gene, é a unidade básica da cultura, reprodutível e propenso a evoluir. Assim, foi criada uma nova área de estudo, a memética.

N’ A Desilusão de Deus, Dawkins critica a crença em Deus, a fé, a religião e a educação religiosa. Contrapõe a fé com a ciência. Defende o uso do termo “brilhante” (bright) para designar os ateus.

Dawkins também apresentou e escreveu diversos documentários televisivos para a BBC, normalmente baseados nos livros que escreveu. Eis os títulos dos principais documentários:

a) The Blind Watchmaker (O relojoeiro cego)– 1987;

b) Nice Guys Finish First (Rapazes Simpáticos Terminam Primeiro) – 1987;

c) Root of All Evil (Raiz de Todo o Mal) – 2006;

d) Beautiful Minds (Mentes Belas) – 2012.

1036 Visualizações 1 Total

References:

  • Dawkins, R. (2007). A Desilusão de Deus. Casa das Letras.
  • Richard Dawkins. (2014). Retrieved February 06, 2016, from https://richarddawkins.net/richarddawkins/
  • Richard Dawkins. (2016). In Encyclopædia Britannica. Retrieved from http://www.britannica.com/biography/Richard-Dawkins
1036 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

Gostaria de ser nosso colaborador?

É especialista em alguma das áreas de conhecimento presentes na nossa enciclopédia? Tem gosto pela escrita? Gostaria de ser editor numa enciclopédia em português, integralmente escrita por especialistas? Gostaria de partilhar conhecimento?

Se a sua resposta é sim, então envie-nos o seu CV para geral@knoow.net para que possamos analisar e enviar mais detalhes sobre a forma de colaboração.

 

Áreas para as quais procuramos especialistas:

  •  Biologia
  •  Economia
  •  História
  •  Medicina
  •  Medicina Veterinária
  •  Filosofia
  •  Sociologia
  •  Contabilidade
  •  Direito
  •  Mecânica
  •  Química
  •  Física
  •  Matemática