Estrutura do Balanço

Este artigo é patrocinado por: «A sua instituição aqui»

O que é a Estrutura do Balanço

A Estrutura do Balanço corresponde à forma como é composto o Balanço Patrimonial de uma empresa, incluindo a dimensão de cada uma das suas rubricas e o peso relativo de cada uma delas, permitindo avaliar a solidez e o equilíbrio financeiro. A monitorização e análise da estrutura do Balanço faz parte dos procedimentos da análise económica e financeira pois dessa análise dependem decisões adequadas de investimento e de financiamento no sentido de garantir a estabilidade financeira a as condições necessárias para o crescimento e a criação de riqueza. Apesar de relativamente estável quando não existem investimentos e financiamentos de montante significativo, o acumular de conjunturas desfavoráveis pode levar a situações de dificuldade, de incumprimento perante terceiros ou até mesmo à insolvência.

A estrutura do Balanço inclui:

  • A estrutura do Ativo – refere-se ao primeiro membro do Balanço Patrimonial, nomeadamente o peso das diferentes rubricas do ativo fixo, do ativo corrente de exploração e das disponibilidades;
  • A estrutura de financiamento – refere-se ao segundo membro do Balanço, nomeadamente a composição e peso de cada uma das fontes de financiamento (capitais próprios, dívidas financeiras de longo prazo, dívidas de curto prazo, etc.);
  • A estrutura financeira – refere-se à comparação entre fontes de financiamento e aplicações de capital (por exemplo, a parte do Ativo que é financiada por Capitais Próprios).
434 Visualizações 2 Total
434 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.