Estação de São Bento (Porto)

Apresentação da Estação de São Bento, uma estação ferroviária que se localiza no Porto

A Estação de São Bento é uma estação ferroviária gerida pela empresa Infraestruturas de Portugal SA e é uma interface de caminhos-de-ferro que fazem a ligação da Linha do Minho que serve a cidade do Porto, em Portugal. Além da sua principal função, a Estação de São Bento é um dos pontos turísticos de interesse da cidade do Norte de Portugal.

Estação de São Bento (Porto)

 

A Estação de São Bento, como é popularmente conhecida, tem o nome original de Estação Central do Porto mas também é conhecida como Estação Ferroviária de Porto – São Bento ou mesmo por Estação de São Bento. A Estação foi inaugurada no dia oito do mês de novembro do ano de 1896 de forma provisória e só no dia cinco do mês de outubro do ano de 1916 é que se deu a cerimónia de inauguração do edifício da estação de forma definitiva e oficial. A Estação de São Bento insere-se na Linha do Minho, uma ligação por via ferroviária que une as cidades do Porto e Valença, em Portugal Continental, que está localizada na zona C1 e é gerida pela Infraestruturas de Portugal SA. No que toca a serviços ferroviários, a Estação de São Bento tem serviços de várias tipologias, entre elas os serviços Urbano, Inter Regional, Regional e Celta. A Estação tem também, na sua infraestrutura, ligação com os autocarros da cidade do Porto, serviços de táxi, gabinete de informações para turistas e para utilizadores da estação, guarda de bagagem, serviços para pessoas com mobilidade reduzida, telefones públicos, serviços de caixa multibanco, serviço de bar e cafeteria, restaurante, sala de espera, casas de banho, posto de perdidos e achados da estação e dos comboios, acesso à internet e parque de estacionamento. Além destes serviços a estação faz interface com a linha D do Metro do Porto.

Em termos de localização, a Estação de São Bento situa-se na Praça de Almeida Garrett, no centro histórico da cidade do Porto e que um edifício de influência francesa, uma construção delineada e pensada pelo arquiteto portuense José Marques da Silva, um artista que também trabalhou em projetos importantes da cidade do Porto tais como a Casa de Serralves (Fundação de Serralves) e o Liceu Alexandre Herculano. A estação começou a funcionar de forma provisória no dia oito de novembro do ano de 1896 e só no dia cinco do mês de outubro do ano de 1916 é que se deu a cerimónia de inauguração do edifício da estação de forma definitiva e oficial.  A estação tornou-se um ponto turístico de interesse da cidade uma vez que está relativamente próxima a outros monumentos da cidade e especialmente pelos seus célebres painéis de azulejo.

Características da Estação de São Bento

Estação de São Bento (Porto) 1

Estação de São Bento (Porto) 2

Uma das características que torna a Estação de São Bento um dos pontos turísticos de interesse na cidade do Porto é o seu átrio principal que é revestido por azulejos com uma componente e temática histórica. Os azulejos do átrio ocupam uma área de cerca de 551 metros quadrados e têm como tema principal o Torneio de Arcos de Valdevez, a apresentação de Egas Moniz com os filhos ao rei Afonso VII de Leão e Castela, a Conquista de Ceuta entre outros temas da História de Portugal. Outro dos elementos que faz com que a estação seja um ponto turístico de interesse são as coberturas sobre as vias e a monumental fachada que é uma obra de Marques da Silva. O edifício tem uma componente e forte influência de estilo francês que se destaca principalmente nas torres laterais com um estilo típico da Escola de Fontainebleau que está entre a Arquitetura de época renascentista e a Belle Époque.

 

Estação de São Bento no século XXI

Os azulejos do pátio da Estação de São Bento foram alvo de uma obra de conservação e de restauro que ficou a cargo da REFER – Rede Ferroviária Nacional, atual Infraestruturas de Portugal SA, que juntou a REFER com a EP – Estradas de Portugal. A outra entidade responsável pelas obras foi o IGESPAR (na altura), atual Direção-Geral do Património Cultural. As obras começaram no mês de julho do ano de 2010 e terminaram no mês de maio do ano seguinte, o ano de 2011. Em 2011 a estação foi considerada como uma das mais belas estações do mundo pela revista Travel + Leisure, sendo por isso a única estação portuguesa incluída na lista. Em 2016 a estação completou 100 anos após a inauguração e foi apresentado um projeto de renovação do edifício sendo que passará a contar com um hostel, um mercado Time Out com 15 restaurantes, quatro bares, quatro lojas, uma cafetaria e uma galeria de arte bem como um café Starbucks.

239 Visualizações 1 Total
239 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo