Sadismo

Conceito de Sadismo: O sadismo, de acordo com o manual de diagnóstico das perturbações mentais, enquadra-se nas parafilias (antigamente…

Conceito de Sadismo

O sadismo, de acordo com o manual de diagnóstico das perturbações mentais, enquadra-se nas parafilias (antigamente também denominadas por muitos como perversões sexuais), que podem ser traduzidas como um desvio sexual, em que as práticas sexuais e a fonte de prazer escapa ao considerado adequado e permitido pela sociedade.

No sadismo, o indivíduo alcança a excitação e o prazer com o sofrimento psicológico ou físico da vítima. Atos sádicos podem incluir manter a vítima numa jaula, ou ainda vendar, espancar, chicotear, torturar, e até, em casos extremos, matar. A base da fantasia é ter controlo completo sobre a vítima, que se encontra indefesa e aterrorizada.

Em alguns casos, os indivíduos, apesar de apresentarem estas fantasias, nunca chegam a realizá-las por sentirem que as mesmas são desadequadas. Noutros casos, contudo, praticam estes atos contra a vontade de outra pessoa ou parceiro. Existem ainda outras situações em que o parceiro permite de livre vontade submeter-se aos atos de sofrimento ou dor (aqui entramos noutro domínio, isto é, o masoquismo).

De considerar que este termo se refere ao sadismo sexual, uma vez que a palavra sadismo pode abranger outras áreas, e fazer referência à maldade, crueldade e ao contentamento sentido com o sofrimento alheio.

1217 Visualizações 1 Total
1217 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.