Estudo de Caso

Conceito de Estudo de Caso: Os estudos de caso constituem uma abordagem metodológica de investigação empírica onde o principal foco não é a…

Conceito de Estudo de Caso

Os estudos de caso constituem uma abordagem metodológica de investigação empírica onde o principal foco não é a generalização dos resultados à população, mas compreender, explorar e explicar um determinado fenómeno em específico. Apresentam características semelhantes à pesquisa qualitativa, embora não seja exclusivamente usada por ela, podendo também apresentar traços quantitativos. Um estudo de caso pode ser definido como a descrição intensiva das características de um sujeito, organização ou fenómeno em particular, afastando-se da tentativa de controlo ou manipulação de variáveis para chegar a conclusões.

Deve recorrer-se a várias fontes de informação, como por exemplo entrevistas, observação, documentos, todas elas com as suas vantagens e desvantagens. Com várias fontes de informação, como por exemplo, a análise de documentação existente sobre o caso, entrevistas e a observação, poderemos ter como vantagens o acesso a dados importantes específicos e detalhados, havendo, por outro lado, o risco de grande parte da informação estar enviesada por todos os intervenientes, que podem dar e receber informação de acordo com o que lhes é desejável.

Efetivamente, um estudo de caso visa conhecer uma entidade ou uma pessoa aprofundadamente, demonstrando as suas características essenciais e próprias. Esta metodologia procura analisar a história de vida do individuo e requer uma articulação entre marcos de referência, ou seja, características normativas (ou ditas “normais”) e a descrição das diferenças individuais do caso em especifico onde, por isso, se deve fazer uma articulação entre a literatura existente e as características individuais do participante do estudo.

Deverá passar pelas seguintes fases: a escolha do caso, a recolha exaustiva de dados sobre o mesmo, a análise da informação e, no final, as interpretações sendo que a delimitação imprecisa do objeto de estudo constitui um dos problemas mais frequentes dos estudos de caso. Num estudo de caso pode ser apresentada uma grande quantidade de informação sobre o participante mas não serem evidenciados os aspetos únicos e particulares que são verdadeiramente importantes.

Deve, ainda, ser tida em atenção a importância da imparcialidade com que o caso é descrito de modo a haver a menor interferência e enviesamento possível por parte do investigador.

1198 Visualizações 1 Total
1198 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.