Redes Sociais

As redes sociais nasceram de forma a satisfazerem um dos desejos mais primitivos do ser humano que é a necessidade de conviver, partilhar, socializar, fazer parte de algo,de um grupo. Por esse motivo, assim que surgiram tiveram um grande impacto sobre a sociedade e tornaram-se mesmo o acontecimento mais impactante e marcante sobre a dinâmica social desde a Revolução Industrial.

Logo que surgiu a internet (o endereço World Wide Web foi criado em 1992 pelo cientista Tim Berners-Lee) tornou-se mais fácil a comunicação entre as pessoas e a primeira rede social surgiu pouco depois. O ClassMates foi criado em 1995 pelo norte-americano Randy Conrads com a intensão de reunir colegas de faculdade. Este rede ainda hoje existe e, apesar de já não ser muito conhecida, na altura foi um enorme sucesso nos Estados Unidos e no Canadá, mesmo sendo um srviço pago. Andrew Weinreich criou a rede social Six Degrees dois anos depois, esta já mais parecida com as redes actuais, com as funcionalidades de envio de mensagem, posts e adição de novos contactos. Seguidamente, apareceu o Friendster em 2002, que não está mais em funcioanemnto, o MySpace em 2003, que oferece a possibilidade de partilhar músicas e vídeos e, também em 2003, o LinkedIn com um carácter mais profissional. Até agora, a rede com maior número de usuários surgiu em 2004. O Facebook, criado por Mark Zuckerberg e por colegas seus da universidade, inicialmente tinha apenas o intuito de unir alunos de várias faculdades. No entanto, em 2006, tornou-se disponível ao uso de qualquer pessoa com idade superior a 13 anos. Actualmente, o Facebook supera qualquer outra rede social em número de usuários, estando o Google+ também no pódio a ocupar o sengundo lugar, seguido pelo Youtube e Twitter. Mais ainda, o Facebook é de tal forma dominante que se fosse um país seria o segundo maior do mundo a nível demográfico, ocupando o lugar da Índia que tem uma população estimada em 1,2 bilhão de pessoas sengundo o Fundo Monetário Internacional.

De forma bastante reveladora, as redes sociais são um marco na sociedade, são uma revolução nos seus modos, na forma como ela se vê, como se convive, como se conhece pessoas e como se partilha experiências. Especialistas acreditam que as redes não só continuarão a ser marcantes na vida das pessoas, como evoluirão para o uso de recursos como hologramas, aromas e sabores.

906 Visualizações 1 Total
906 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.