Integração Vertical

Conceito de Integração Vertical

A integração vertical refere-se ao grau de controlo que uma determinada empresa tem sobre os seus factores de produção ou sobre a distribuição ou utilização dos produtos e serviços por si produzidos. A integração vertical diz-se plena quando a empresa tem o controlo total sobre os seus factores de produção ou sobre a distribuição ou utilização dos produtos e serviços por si produzidos. A integração vertical pode, portanto, ser entendida com a progressão da empresa na sua cadeia de valor.

A integração vertical pode assumir dois tipos:

  • Integração vertical a montante: quando a progressão do controlo se dá no sentido da retaguarda da cadeia produtiva, isto é, no sentido do sector que produz os factores de produção utilizados pela empresa;
  • Integração vertical a jusante: quando a progressão do controlo se dá no sentido da frente da cadeia produtiva, isto é, no sentido do sector que controla a distribuição ou a transformação dos produtos e serviços produzidos pela empresa.
  • São diversas as vantagens que poderão advir da adopção de uma estratégia de integração vertical, entre as quais:
  • Maior controlo sobre a qualidade, prazos e cadência de entrega, etc. dos factores de produção;
  • Maior controlo sobre a distribuição dos produtos e serviços produzidos e sobre os serviços pós-venda associados;
  • Aumento do poder negocial sobre os fornecedores ou sobre os clientes consoante a integração se processo para montante ou para jusante;
  • Benefícios associados a economias de escala e a poupanças de custos com o fornecimento de inputs ou com a distribuição dos outputs;
15399 Visualizações 1 Total
15399 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.