Capela Sistina

Breve olhar sobre a Capela Sistina

A Capela Sistina é a célebre capela papal do Palácio do Vaticano.

Foi mandada construir pelo papa Sisto IV (daí o seu nome) e foi edificada entre 1475 e 1483, de acordo com os planos do arquiteto Giovanni de Dolci.

Quanto às suas dimensões, a capela ostenta o mesmo tamanho do Templo de Salomão, medindo 40 metros de cumprimento, quase 14 de largura e cerca de 21 de altura. As paredes laterais ostentam doze magníficos frescos, sendo que seis representam cenas da vida de Moisés e os outros seis, por sua vez, cenas da vida de Cristo. Estas obras de arte foram pintadas pelos mais consagrados mestres italianos do Quatroccento, ou seja, Botticelli, Perugino, Pinturricio e Signorelli. A sua beleza fica, no entanto, algo ofuscada pela grandiosidade dos nove painéis da abóbada que Miguel Ângelo pintou, de 1508 a 1512, sendo que foi inspirado em dois episódios bíblicos, o Génesis e o Juízo Final. No fresco deste último, o pintor autorretratou-se entre os pecadores. O seu rosto apresenta-se deformado numa pele que S. Bartolomeu segura.

A Capela Sistina foi consagrada em agosto de 1483 e a sua notabilidade deve-se, em grande parte, ao facto de aí se realizarem os conclaves para a eleição do papa.

77 Visualizações 1 Total
77 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.