Viana do Castelo, Portugal

Apresentação do município de Viana do Castelo: história, demografia, características geográficas, património natural e edificado, gastronomia e brasão

Este artigo é patrocinado por: «A sua instituição aqui»

Apresentação da cidade e município de Viana do Castelo

Viana do Castelo é um município português localizado no distrito com o mesmo nome, na região do Norte e sub-região do Minho-Lima. É um município com 85 445 habitantes, de acordo com os censos de 2011, estando dividido em 27 freguesias em 319,02 km². O município é limitado a norte por Caminha, a leste por Ponte de Lima, a sul por Barcelos e Esposende e a oeste pelo Oceano Atlântico.

As 27 freguesias do concelho de Viana do Castelo são Afife, Alvarães, Amonde, Anha, Areosa, Barroselas e Carvoeiro, Cardielos e Serreleis, Carreço, Castelo do Neiva, Chafé, Darque, Freixieiro de Soutelo, Geraz do Lima (Santa Maria, Santa Leocádia e Moreira) e Deão, Lanheses, Mazarefes e Vila Fria, Montaria, Mujães, Nogueira, Meixedo e Vilar de Murteda, Outeiro, Perre, Santa Marta de Portuzelo, São Romão de Neiva, Subportela, Deocriste e Portela Susã, Torre e Vila Mou, Viana do Castelo (Santa Maria Maior, Monserrate e Meadela), Vila de Punhe e Vila Franca.

História do concelho de Viana do Castelo

Os vários achados arqueológicos existentes no Monte de Santa Luzia indiciam que a ocupação humana da região de Viana remonta ao Mesolítico.

A povoação de Viana recebeu a carta de foral de D. Afonso III a 18 de julho de 1258, quando passou a chamar-se Viana da Foz do Lima. Dada a prosperidade adquirida ao longo dos anos, a localização tornou-se num importante entreposto comercial, tendo sido aqui edificada uma torre defensiva com a função de repelir os piratas oriundos da Galiza e do Norte de África.

A 20 de janeiro de 1848 a vila foi elevada à categoria de cidade com o nome de Viana do Castelo.

Património

Relativamente ao património arqueológico de Viana do Castelo destaca-se:

  • Citânia de Santa Luzia
  • Ponte romana de Barroselas
  • Castro da Corôa
  • Gravuras rupestres de Montedor
  • Povoado fortificado de Carmona
  • Monte do Castelo do Neiva
  • Mamoa do Chão da Pica
  • Santuário de Sabariz
  • Castro de Sabariz

Em termos de património/arquitetura civil, pode visitar:

  • Casa da Torre das Neves
  • Casa da Praça
  • Casa dos Costa Barros
  • Casa dos Werneck
  • Chafariz da Praça da Rainha
  • Casa de Miguel de Vasconcelos
  • Casa de João Velho
  • Palácio dos Viscondes de Carreira
  • Paços Municipais de Viana do Castelo
  • Quinta da Bouça
  • Casa dos Alpuim
  • Hospital de Santa Luzia
  • Casa Grande da Meadela
  • Solar de Lanheses
  • Pelourinho de Lanheses
  • Casa e Quinta de Monteverde
  • Moinho do Marinheiro
  • Moinho do Petisco
  • Casa e capela da Quinta Boa Viagem

Com um importante património militar, neste concelho pode encontrar o Fortim da Areosa, Fortim de Montedor, Castelo de Santiago da Barra e o Castelo de Portuzelo.

Por fim, já no que ao património religioso diz respeito  podemos mencionar a Quinta da Portela, o Cruzeiro de Santa Marta, o Convento de São Francisco do Monte, a Igreja de Nossa Senhora do Carmo, a Igreja Matriz de Viana do Castelo, o Convento de Santo António dos Capuchos, a Igreja Paroquial de Santa Leocádia de Geraz do Lima, a Igreja de São Cláudio, o Mosteiro de São Romão de Neiva, a Igreja de Santa Cruz, o Cruzeiro da Areosa, o Convento de São João de Cabanas e o Santuário de Santa Luzia.

Gastronomia

A gastronomia de Viana do Castelo inclui broa de milho, sopas de peixe, mariscos, arroz pica no chão, rojões à moda do minho, cabrito assado, cabrito à Serra d’Arga, arroz de sarrabulho, arroz de pato à moda antiga, cozido à portuguesa, bacalhau à Viana, bacalhau à Gil Eanes, bacalhau assado, bacalhau à Camelo, arroz de polvo à moda do Minho, arroz de lampreia, pescada à vianense e caldeirada de peixe.

Na doçaria destacam-se as meias-luas de Viana, o leite-creme, o arroz doce, os sidónios, a torta de Viana, as Santas Luzias, os manjericos e os biscoitos de Viana. Por fim, é impossível não mencionar os vinhos verdes.

Geminações

Com o objetivo de aproximar os povos e criar laços históricos e culturais de amizade, o município celebrou os seguintes Protocolos de Geminação:

  • Riom (França)
  • Lancaster (Grã-Bretanha)
  • Cacheu (Guiné-Bissau)
  • Ziguinchor (Senegal)
  • Lugo (Espanha)
  • Hendaye (França)
  • Aveiro (Portugal)
  • Itajaí (Brasil)
  • Cabadelo – Paraíba (Brasil)
  • Matola (Moçambique)
  • Alagoas (Brasil)
  • Pessac (França)
  • Igarassu (Brasil)
  • Porto Seguro (Brasil)
  • Viana (Brasil)
  • Assoc. Mun.Ilha de Santo Antão (Cabo Verde)

Brasão da cidade

Brasão de Viana do Castelo

O brasão da cidade é um escudo de vermelho com um galeão de negro, aparelhado do mesmo e ornado de ouro, vestido de prata, tendo no pano redondo do mastro real as quinas de Portugal antigo e vogando num mar ondeado de prata e de verde. Âncora de ouro. Em chefe, cosido de azul, um castelo de ouro, aberto e iluminado de negro. A coroa mural é de prata de cinco torres e o listel é branco com a legenda CIDADE DE VIANA DO CASTELO a negro.

Municípios do Distrito de Viana do Castelo

Arcos de Valdevez Caminha Melgaço Monção Paredes de Coura
Ponte da Barca Ponte de Lima Valença Viana do Castelo Vila Nova de Cerveira
160 Visualizações 1 Total
160 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.