Barcelos, Portugal

Apresentação da vila e município de Barcelos: história, características demográficas, património natural e edificado, gastronomia.

Este artigo é patrocinado por: «A sua instituição aqui»

Apresentação da vila e município de Barcelos

Barcelos é um município português localizado no distrito de Braga, na região do Norte e sub-região do Cávado. É um município com 120 391 habitantes, de acordo com os censos de 2011, estando dividido em 61 freguesias em 378,90 km². O município é limitado a norte por Viana do Castelo e Ponte de Lima, a leste por Vila Verde e Braga, a sueste por Vila Nova de Famalicão, a sudoeste pela Póvoa de Varzim e a oeste por Esposende.

Este é o concelho em Portugal com maior número de freguesias: 61. 

História do concelho de Barcelos

Barcelos foi habitada por povos desde tempos antigos, como comprovam vários vestígios existentes em locais dispersos pelo concelho. No ano de 1177, Barcelos recebeu carta de foral por D. Afonso Henriques e em 1227 a cidade tornou-se um polo de atratividade da população. Foi elevada à categoria de cidade em 1928.

Património

O concelho tem um rico património que se divide em várias categorias. Em termos arqueológicos podemos visitar:

  • Monumento Castrejo Galegos Sta. Maria
  • Monumento com forno do Monte da Saia
  • Laje dos Sinais
  • Castro do Monte Castro
  • Citânia da Carmona
  • Citânia de S. Mamede
  • Castro da Picarreira
  • Castro do Picoto dos Mouros
  • Necrópole de Mondim
  • Citânia do Facho

Em relação à arquitetura civil identifica-se:

  • Teatro Gil Vicente
  • Museu de Olaria
  • Solar dos Pinheiros
  • Ponte de Barcelos
  • Ponte Eiffel
  • Ponte das Tábuas

Em termos de arquitetura militar destaca-se o Castelo de Faria, a Muralha de Barcelos, o Paço dos Condes de Barcelos, a Ponte de Barcelos, o Pelourinho e a Torre do Cimo da Vila.

Gastronomia

A gastronomia do concelho inclui bacalhau frito, pataniscas de bacalhau, chispe cozido, sardinhas salgadas cozidas, pastelão de sardinha, cabrito assado, rojões à minhota, papas de sarrabulho, arroz de frango caseiro, polvo assado na brasa, bacalhau assado na brasa, cabrito à minhota, bife na pedra, filetes de pescada, entrecosto no churrasco, coelho assado na grelha e caldo verde. Na doçaria regional destaca-se o leite-creme, as queijadas, as laranjinhas doces, os doces de romaria, o pão-de-ló, as brisas do Cávado, as rabanadas e a aletria.

Geminações

Com o objetivo de aproximar os povos e criar laços históricos e culturais de amizade, o município celebrou os seguintes Protocolos de Geminação:

  • Pontevedra (Espanha)
  • Vierzon (França)
  • São Domingos (Cabo Verde)
  • Svishtov (Bulgária)
  • El Jadida (Marrocos)
  • Recife (Brasil)

Brasão da cidade

Brasão de barcelos

O brasão da cidade é um escudo de azul, ponte de ouro ameiada na guarda e formada de cinco arcos saíntes de um contra-chefe ondado de prata e azul de cinco tiras, acompanhada à direita por uma torre quadrada e torreada, de prata, aberta e frestada e vermelho e à esquerda por uma árvore de verde, sainte de uma arca de prata e uma ermida com a sua torre sineira do mesmo, aberta de vermelho; a ponte encimada por três torres quadradas e cobertas, de ouro, iluminadas de vermelho e saintes de um terrado de ouro. Em chefe estão as armas da Casa de Bragança entre dois escudetes de prata, carregados cada um de cinco escudinhos de azul, em cruz, cada escudinho com cinco besantes de prata. A coroa mural é de prata de cinco torres e o listel é branco com os dizeres BARCELOS a negro.

Municípios do Distrito de Braga

Amares Barcelos Braga Cabeceiras de Basto Celorico de Basto
Esposende Fafe Guimarães Póvoa de Lanhoso Terras de Bouro
Vieira do Minho Vila Nova de Famalicão Vila Verde Vizela
194 Visualizações 1 Total
194 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.