Europeu 84

O primeiro título francês na primeira presença de Portugal

UEFA_Euro_1984_logo.svg Edição: Participantes: 8Organizador: UEFAAnfitrião: FrançaCampeão: FrançaVice-Campeão: Espanha

Melhor Marcador: Michel Platini – 9 golos (França)

Melhor Guarda-Redes: Harald Schumacher (Alemanha)

Melhor Jogador: Michel Platini (França)

Total de Jogos: 15 partidas

Total de Golos: 41 golos marcados

Assistência Total: 599,669 pessoas

O Campeonato Europeu de Futebol de 1984 teve lugar em França e foi conquistado pelo país anfitrião, numa prova que contou com a participação portuguesa, pela primeira vez na história. A fase final da 7ª edição do Europeu teve lugar de 12 a 27 de Junho e teve uma figura em destaque: Michel Platini, que foi o melhor jogador e o melhor marcador do torneio. Os nove golos apontados pelo francês na fase final continuam a ser um recorde.

A França tornou-se a única equipa a vencer todos os jogos numa fase final com mais de 8 selecções. A Espanha igualou esse feito em 2008, mas precisou de um desempate por penáltis frente à Itália, para vencer o jogo dos quartos-de-final.

A equipa lusa que marcou presença neste europeu ficou conhecida como “Os Patrícios”, alcunha que derivou do nome da mascote que os representou na prova e que aludia à presença dos emigrantes portugueses em terras francesas.

Portugal conseguiu o apuramento com 10 pontos conquistados na fase de qualificação, debaixo do comando técnico de quatro treinadores: Fernando Cabrita, António Morais, José Augusto e Toni. A equipa técnica inédita substituiu o brasileiro Otto Glória, que foi demitiu depois de uma goleada por 4-0 frente ao Brasil, quando já tinha perdido também por 5-0 frente à URSS nesta fase.

 

 4

“O Patrício” – a mascote que deu a alcunha à selecção portuguesa no europeu de 84

 

Fase de qualificação

Pela primeira vez na história do Campeonato da Europa, a totalidade dos então 33 membros da UEFA participou no torneio de 1984.

As trinta e duas selecções membros da UEFA foram divididas em 7 grupos de qualificação (quatro com cinco equipas e três com quatro equipas), dos quais os primeiros classificados se apuraram directamente para a fase final. Além da França, que já estava qualificada enquanto país anfitrião, apuraram-se Bélgica, Portugal, Dinamarca, Jugoslávia, Roménia R.F. Alemanha e Espanha.

Os principais ausentes foram a URSS, que ficou atrás de Portugal no grupo 2, a Inglaterra (grupo 3), a Checoslováquia e a Itália (grupo 5) e a Holanda (Grupo 7).

A Bélgica foi a única das sete apuradas a vencer o seu grupo com mais do que um ponto de vantagem. A República Federal da Alemanha e a Espanha seguiram em frente mercê da diferença de golos e do número de golos apontados, respectivamente.

A Espanha tornou-se a primeira equipa a vencer um jogo de apuramento do Campeonato da Europa por uma diferença de dois dígitos, ao vencer a selecção de Malta por 12-1, apurando-se para a fase final de 1984 às custas da Holanda, graças ao maior número de golos marcados.

A derrota (1-0) da República Federal da Alemanha frente à Irlanda do Norte foi o seu primeiro desaire em casa ao fim de 29 jogos de apuramento para um grande torneio.

 

Grupo 1

Equipas J V E D GM GS DG Pts
1 Bélgica Bélgica 6 4 1 1 12 8 4 9
2 Suíça Suíça 6 2 2 2 7 9 -2 6
3 Rep. Dem. Alemanha R.D. Alemanha 6 2 1 3 7 7 0 5
4 Escócia Escócia 6 1 2 3 8 10 -2 4

Grupo 2

Equipas J V E D GM GS DG Pts
1 Portugal Portugal 6 5 0 1 11 6 5 10
2 URSS URSS 6 4 1 1 11 2 9 9
3 Polónia Polónia 6 1 2 3 6 9 -3 4
4 Finlândia Finlândia 6 0 1 5 3 14 -11 1

Grupo 3

Equipas J V E D GM GS DG Pts
1 Dinamarca Dinamarca 8 6 1 1 17 5 12 13
2 Inglaterra Inglaterra 8 5 2 1 23 3 20 12
3 Grécia Grécia 8 3 2 3 8 10 -2 8
4 Hungria Hungria 8 3 1 4 18 17 1 7
5 Luxemburgo Luxemburgo 8 0 0 8 5 36 -31 0

Grupo 4

Equipas J V E D GM GS DG Pts
1 Jugoslávia Jugoslávia 6 3 2 1 12 11 1 8
2 País de Gales País de Gales 6 2 3 1 7 6 1 7
3 Bulgária Bulgária 6 2 1 3 7 8 -1 5
4 Noruega Noruega 6 1 2 3 7 8 -1 4

Grupo 5

Equipas J V E D GM GS DG Pts
1 Roménia Roménia 8 5 2 1 9 3 6 12
2 Suécia Suécia 8 5 1 2 14 5 9 11
3 Checoslováquia Checoslováquia 8 3 4 1 15 7 8 10
4 Itália Itália 8 1 3 4 6 12 -6 5
5 Chipre Chipre 8 0 2 6 4 21 -17 2

Grupo 6

Equipas J V E D GM GS DG Pts
1 República Federal da Alemanha R.F. Alemanha 8 5 1 2 15 5 10 11
2 Irlanda do Norte Irlanda Norte 8 5 1 2 8 5 3 11
3 Áustria Áustria 8 4 1 3 15 10 5 9
4 Turquia Turquia 8 3 1 4 8 16 -8 7
5 Albânia Albânia 8 0 2 6 4 14 -10 2

Grupo 7

Equipas J V E D GM GS DG Pts
1 Espanha Espanha 8 6 1 1 24 8 16 13
2 Holanda Holanda 8 6 1 1 22 6 16 13
3 República da Irlanda Rep. Irlanda 8 4 1 3 20 10 10 9
4 Islândia Islândia 8 1 1 6 3 13 -10 3
5 Malta Malta 8 1 0 7 5 37 -32 2

 

Fase de grupos

A selecção portuguesa conseguiu alcançar o apuramento para as meias-finais o segundo lugar no grupo 2, com os mesmos pontos da Espanha que passou em primeiro, deixando para trás a campeã em título República Federal da Alemanha nesta fase. Os alemães, que tinham sido finalistas do Mundial dois anos antes, foram logo o primeiro adversário de Portugal no jogo inaugural, que terminou sem golos (0-0). No segundo jogo, seguiu-se mais um empate, desta vez com a Espanha (1-1), e acabou por ser uma vitória sofrida por 1-0 frente à Roménia a carimbar a qualificação, no último jogo.

No grupo 1, o domínio francês foi absoluto, com três vitórias em três jogos, nove golos marcados e apenas dois sofridos. Michel Platini assinou dois “hat-tricks”, contra a Bélgica e a Jugoslávia, considerados “perfeitos”, ou seja, os três golos foram marcados todos de seguida. Aquele que viria a ser o futuro Presidente da UEFA marcou de cabeça e com cada um dos seus pés em ambos os jogos.

 

Grupo 1

Equipas J V E D GM GS DG Pts
1 França França 3 3 0 0 9 2 7 6
2 Dinamarca Dinamarca 3 2 0 1 8 3 5 4
3 Bélgica Bélgica 3 1 0 2 4 8 -4 2
4 Jugoslávia Jugoslávia 3 0 0 3 2 10 -8 0

Grupo 2

Equipas J V E D GM GS DG Pts
1 Espanha Espanha 3 1 2 0 3 2 1 4
2 Portugal Portugal 3 1 2 0 2 1 1 4
3 República Federal da Alemanha R.F. Alemanha 3 1 1 1 2 2 0 3
4 Roménia Roménia 3 0 1 2 2 4 -2 1

 

Meias-finais

França França 3-2 Portugal Portugal (Prolongamento)

Espanha Espanha 1-1 Dinamarca Dinamarca (5-4 penáltis)

 

Num Europeu que poderia ter sido de sonho, Portugal atingiu as meias-finais logo na primeira vez em que conseguiu o apuramento, à semelhança do que tinha acontecido no Campeonato do Mundo de 1966. No encontro frente à selecção da casa, um jogo de loucos, que só ficou decidido no prolongamento, ditou a derrota da equipa lusa por 3-2.

O Estádio Velodròme, em Marselha, encheu para ver o “futebol-champanhe” dos franceses durante 120 minutos. Portugal esteve a perder por 1-0 antes da meia hora de jogo, mas a cerca de quinze minutos do fim conseguiu o empate, após um cruzamento saído dos pés de Chalana para a finalização de cabeça de Jordão. No prolongamento, os Patrícios foram do céu ao inferno. Jordão, novamente a passe de Chalana, fez o 2-1, com um remate enrolado que bateu no chão e passou por cima do guarda-redes francês, mas os cinco minutos finais seriam desoladores. Primeiro Domergue (115’) e depois o inevitável Platini (119’) afastaram Portugal da tão desejada final.

No outro jogo das meias-finais, a Espanha só conseguiu eliminar a Dinamarca através da marcação de grandes penalidades, depois de uma igualdade (1-1) que persistiu 120 minutos.

 

Final

França França 2-0 Espanha Espanha

 

Platini e Belone fizeram os dois golos na final que deu o primeiro título internacional à selecção francesa.

A França continua a ser a única anfitriã a ter vencido o torneio desde a expansão da fase final em 1980. Cinco países atingiram as meias-finais, enquanto Portugal foi finalista vencido em 2004.

France Coach Michel Hidalgo (l) celebrates winning the European Championship with star player Michel Platini (r)

Platini foi a grande estrela do Euro 84

Pódio

1º  França França

Espanha Espanha

Portugal Portugal

Dinamarca Dinamarca

 

Equipa do Torneio

Portugal Manuel Bento (Portugal)

Portugal João Pinto (Portugal)

República Federal da Alemanha Karlheinz Förster (Alemanha)

Dinamarca Morten Olsen (Dinamarca)

República Federal da Alemanha Andreas Brehme (Alemanha)

Portugal Fernando Chalana (Portugal)

França Alain Giresse (França)

França Jean Tigana (França)

Dinamarca Frank Arnesen (Dinamarca)

França Michel Platini (França)

República Federal da Alemanha Rudi Völler (Alemanha)

 

3011 Visualizações 2 Total

References:

https://www.publico.pt/noticia/franca-1984-1190852

http://pt.uefa.com/uefaeuro/season=1984/index.html

3011 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

Gostaria de ser nosso colaborador?

É especialista em alguma das áreas de conhecimento presentes na nossa enciclopédia? Tem gosto pela escrita? Gostaria de ser editor numa enciclopédia em português, integralmente escrita por especialistas? Gostaria de partilhar conhecimento?

Se a sua resposta é sim, então envie-nos o seu CV para geral@knoow.net para que possamos analisar e enviar mais detalhes sobre a forma de colaboração.

 

Áreas para as quais procuramos especialistas:

  •  Biologia
  •  Economia
  •  História
  •  Medicina
  •  Medicina Veterinária
  •  Filosofia
  •  Sociologia
  •  Contabilidade
  •  Direito
  •  Mecânica
  •  Química
  •  Física
  •  Matemática