Parasita

Parasita é o organismo que vive dentro ou sobre outro organismo de quem retira nutrientes. Classificação do parasita, do hospedeiro e dos ciclos de vida.

Parasita define-se como o organismo que vive dentro ou sobre outro organismo de quem retira nutrientes (o hospedeiro).

De acordo com o tipo de relação que os parasitas estabelecem com o hospedeiro, estes podem classificar-se em:

  • Parasitas obrigatórios: Dependem completamente do hospedeiro para sobreviver (ex.: Toxoplasma gondii); 
  • Parasitas facultativos: Não dependem completamente do hospedeiro para sobreviver (ex: Naegleria)

De acordo com o local de parasitismo, estes podem ainda assumir diferentes classificações:

  • Endoparasitas: Parasitas que vivem no interior do corpo do hospedeiro, têm o seu habitat em órgãos como pulmões e fígado ou em aparelhos como o digestivo, circulatório e outros (ex.: parasitas intestinais);
  • Ectoparasitas: Parasitas que vivem sobre o hospedeiro ou superficialmente inclusos no tecido cutâneo (ex.: Pediculus humanus).

Classificação do hospedeiro:

  • Hospedeiro definitivo: Onde vivem as formas adultas do parasita (ex Plasmodium no mosquito);
  • Hospedeiro intermediário: Onde crescem e se diferenciam as fases larvares (ex Plasmodium no Homem);
  • Hospedeiro paraténico: Alberga formas do parasita, mas não é parte ativa no desenvolvimento do ciclo vital;
  • Hospedeiro-vetor: É um artrópode responsável por transmitir o parasita de um hospedeiro a outro.

Existe uma grande diversidade filogenética a nível dos “parasitas”:

  • Protozoários (Reino Protista, sub-reino Protozoa): amebas, esporozoários, flagelados, ciliados;
  • Metazoários (Reino Animalia, sub-reino Metazoa): artrópodes, nematelmintas, helmintas, platelmintas.

Nas relações de parasitismos, os ciclos biológicos podem incluir 1 (monoxeno) ou vários (heteroxeno) hospedeiros.

Ciclo de vida dos parasitas:

  • Ciclos diretos: Os parasitas não necessitam de hospedeiro intermediário, disseminam-se fora do hospedeiro através de formas resistentes: ovos e quistos;
  • Ciclo indiretos: Envolvem um ou mais hospedeiros intermediários, nos quais se desenvolvem nas formas larvares e um hospedeiro definitivo que alberga a fase adulta (ex.: Taenia solium; Schistosoma mansoni)
2242 Visualizações 1 Total
2242 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.