Nicotiana tabacum (tabaco)

Descrição da espécie Nicotiana tabacum (tabaco), as suas principais características, os locais onde pode ser encontrado, assim como as suas utilizações …

Nicotiana tabacum – descrição da espécie tabaco

 

Nicotiana_tabacum

Nicotiana tabacum

Nicotiana tabacum é a designação científica da espécie tabaco. Esta espécie pertence ao género Nicotiana, que se encontra na família Solanaceae, inserida na ordem Solanales, que faz parte da classe Magnoliopsida.

Os membros desta espécie são eudicotiledóneas, isto é, o seu embrião possui dois cotilédones. A Nicotiana tabacum é uma espécie pertencendo à mesma família do tomate e da batata.

O consumo de tabaco remonta há mais de 4 mil anos, no entanto, este apenas chegou à Europa à cerca de 500 anos atrás, devido aos descobrimentos, tendo sido inicialmente introduzido em França.

Principais características:

 

Nicotiana tabacum (tabaco)
Reino Filo Classe Ordem Família Género Espécie
 Plantae Magnoliophyta Magnoliopsida Solanales Solanaceae Nicotiana Nicotiana tabacum

 

Distrib. Geográfica Estatuto Conserv. Habitat Necessidades Nutricionais
 Longevidade
 cultivada em todo em larga escala  –  Não possui habitat especifico, podendo colonizar vários habitats solos neutros, bastante férteis e bem drenados

 

Características Físicas
Anatómicas Porte herbáceo, caule com forma cilíndrica
Tamanho Entre os 50 centímetros e os 3 metros
As varias partes desta planta são venenosas

 

 

Os membros desta família caraterizam-se por um porte herbáceo, com um caule ereto e cilíndrico, podendo atingir dimensões entre os 50 centímetros e os 3 metros. O seu caule pode apresentar alguma viscosidade, ramificando perto da sua porção superior.

Estes indivíduos podem ser perenes, anuais ou bianuais, consoante a variedade cultivada. O odor acre que libertam é bastante característico, devido à presença da nicotina.

As suas folhas simples são de grandes dimensões, com uma forma lanceolada e bastante densas. Estas distribuem-se de forma alterna ao longo do caule, apresentando uma coloração esverdeada.

As flores são hermafroditas de coloração esverdeada, amarelada ou rosada, consoante a variedade, que possuem 5 sépalas e 5 pétalas. Estas flores organizam-se em inflorescências terminais. A polinização ocorre com o auxílio de insetos polinizadores.

Esta planta produz um elevado número de sementes, com pequenas dimensões e forma ovoide. Estas encontram-se encerradas em frutos com forma ovoide ou redonda, com coloração castanha.

Distribuição:

Esta espécie é proveniente do continente americano, mais propriamente da região mais tropical do continente americano (América do Sul e América Central), em particular a região dos Andes entre o Peru e o Equador.

No entanto, atualmente esta espécie apenas se encontra em cultivo, não sendo conhecida na natureza. A sua importância económica levou à introdução desta espécie em diferentes partes do globo, particularmente no centro e sul da Europa e nas Índias ocidentais.

A espécie Nicotiana tabacum não possui um ecossistema específico, conseguindo colonizar diferentes habitats, como por exemplo florestas, savanas, montanhas, ou mesmo em vulcões, entre muitos outros locais.

Estes indivíduos dão preferência a solos neutros, bastante férteis e bem drenados, em locais com elevada exposição solar. Não se trata de uma espécie bem adaptada ao frio, preferindo ambientes com pouca variação de temperatura, que deve rondar os 20 e os 30ºc, e uma elevada percentagem de humidade no ar.

Esta espécie foi avaliada como sendo uma espécie de alto risco quando introduzida em nossos ecossistemas, considerando esta espécie como tendo uma elevada probabilidade de se tornar invasora. Entre as características que tornam esta espécie em boa invasora são a sua capacidade de propagação, a sua elevada capacidade reprodutiva e a sua tolerância a diversas condições ambientais.

Utilização:

As suas folhas são utilizadas para a produção da maior parte do tabaco comercializado, sendo que em alguns casos a produção desta espécie tem em vista a sua utilização como planta ornamental. As várias partes que compõem esta planta são venenosas, quando consumidas em excesso, podendo causar vómitos, náuseas e palpitações.

Além da sua importância económica, esta espécie era considerada uma planta medicinal, utilizada como relaxante, no entanto, esta planta é altamente aditiva. A Nicotiana tabacum possui inúmeras propriedades medicinais entre elas a narcótica, anti-inflamatória, sedativa, inseticida entre muitas outras.

A parte desta espécie mais utilizada são as suas folhas, no entanto, estas não devem ser consumidas por gestantes e crianças pois podem causar cefaleias, falência respiratória e cardíaca.

O consumo de tabaco, produzido com as folhas desta espécie, também pode causar serias doenças, como pneumonia, infeção das vias aéreas ou mesmo cancro em casos extremos.

Estes indivíduos são muitas vezes afetados por parasitas e algumas bactérias como a bactéria Ralstonia solanacearum, provocando a destruição da planta, particularmente a destruição das suas raízes.

2945 Visualizações 2 Total

References:

Datiles, Marianne Jennifer; Acevedo-Rodríguez, Pedro (2014). Nicotiana tabacum (tobacco). Invasive Species Compendium Datasheets, maps, images, abstracts and full text on invasive species of the world. Consultado em: Fevereiro 28, 2017, em http://www.cabi.org/isc/datasheet/36326

Nicotiana tabacum L. (Solanaceae).  Department of Plant Sciences, University of Oxford. Consultado em: Fevereiro 28, 2017, em http://herbaria.plants.ox.ac.uk/bol/plants400/Profiles/MN/Nicotiana

2945 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

Gostaria de ser nosso colaborador?

É especialista em alguma das áreas de conhecimento presentes na nossa enciclopédia? Tem gosto pela escrita? Gostaria de ser editor numa enciclopédia em português, integralmente escrita por especialistas? Gostaria de partilhar conhecimento?

Se a sua resposta é sim, então envie-nos o seu CV para geral@knoow.net para que possamos analisar e enviar mais detalhes sobre a forma de colaboração.

 

Áreas para as quais procuramos especialistas:

  •  Biologia
  •  Economia
  •  História
  •  Medicina
  •  Medicina Veterinária
  •  Filosofia
  •  Sociologia
  •  Contabilidade
  •  Direito
  •  Mecânica
  •  Química
  •  Física
  •  Matemática