Preguiça Social

Conceito de Preguiça Social: Existe a ideia de que o facto de haver uma organização social leva as pessoas a conseguirem mais facilmente alcançar os…

Conceito de Preguiça Social

Existe a ideia de que o facto de haver uma organização social leva as pessoas a conseguirem mais facilmente alcançar os seus objetivos sociais pela ação coletiva. Por outro lado, parece que quantas mais pessoas estiverem envolvidas numa atividade, menor o esforço realizado por cada elemento.

O psicólogo alemão Ringelmann, que cunhou o seu nome no conhecido efeito de Ringelmann, realizou um estudo em que os trabalhadores alemães tinham de puxar uma corda sozinhos, ou em grupos de 2, 3 ou 8 pessoas. O que se verificou foi que à medida que o número de elementos do grupo aumentava, havia uma diminuição do esforço individual na força aplicada. Este efeito deu azo a uma nova teoria do Impacto Social que questiona o quando e porquê dos esforços coletivos serem menos eficientes do que os individuais. A Teoria do Impacto Social (Latané) diz-nos que quando uma pessoa é de forma isolada alvo das forças sociais, a pressão aumenta; e quando a pessoa se insere num grupo alvo de forças sociais, o impacto em cada individuo diminui.

Desta forma surge o conceito de Preguiça Social, que se traduz no decréscimo no esforço individual devido à presença social de outras pessoas.

778 Visualizações 1 Total
778 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.