Toxicologia

Apresentação do conceito de Toxicologia – A toxicologia, do grego “ toxikos” que quer dizer veneno + “logos”, é a ciência que estuda as substâncias (…)

Conceito de Toxicologia

A toxicologia, do grego “ toxikos” que quer dizer veneno + “logos”, é a ciência que estuda as substâncias químicas e os seus efeitos adversos nos sistemas biológicos, particularmente sobre os organismos vivos, com a finalidade principal de prevenir o aparecimento destes efeitos, ou seja, estabelecer o uso seguro destas substâncias químicas. Estuda ainda também as relações entre as quantidades de substância introduzida no organismo e o efeito biológico obtido, tanto a nível qualitativo como quantitativo. Muitas destas substâncias são conhecidas por serem tóxicas para o sistema (seja ele animal, vegetal ou microbiano). A toxicidade dos agentes químicos depende da dosagem e via de administração do composto, da idade, sexo do individuo e muitas vezes também do ambiente em que estão inseridos. A toxicologia é uma vasta área, que incluí outras ciências como a bioquímica, histologia, farmacologia, patologia e muitas outras disciplinas.

Matthieu Orfila (1787-1853) foi o fundador da toxicologia que sistematizou pela primeira vez o estudo e classificação das substâncias tóxicas, no século 19. Tradicionalmente, as funções do toxicologista eram identificar venenos e antídotos para procurar outros meios de tratamento de lesões tóxicas. Uma área relacionada com a antiga prática de toxicologia, a toxicologia forense, que estuda o uso criminoso dos venenos, tem também uma longa história. Com a propagação de novas substâncias potencialmente tóxicas, as aplicações práticas da toxicologia foram multiplicadas. Nas ciências ecológicas, toxicologistas desempenham um papel importante na identificação e eliminação de contaminantes ambientais. A avaliação da exposição ocupacional a substâncias tóxicas é outro aspeto do trabalho de um toxicologista. Por exemplo, nos Estados Unidos, toxicologistas trabalham na Food and Drug Administration (FDA) do governo federal, na tentativa de identificar os potenciais perigos para a saúde pública causados por aditivos químicos em alimentos e cosméticos; juntamente com farmacologistas, os toxicologistas participam também em testes de segurança de novos medicamentos.

Talvez a área de maior expansão seja o estudo dos resíduos tóxicos, uma vez que a toxicologia ambiental assumiu uma grande importância nos resíduos tóxicos a partir de uma variedade de processos industriais como o ar, água e solo, verificando muitas vezes até então perigos desconhecidos para o cidadão. Uma das preocupações dos toxicologistas e cientistas em todo o mundo são o uso de clorofluorcarbonetos (CFCs) (que afetam a camada de ozono na atmosfera), os efeitos da chuva ácida sobre as florestas do mundo e a libertação de substâncias radioativas prejudiciais para o solo, águas subterrâneas, oceanos e ar.

800 Visualizações 1 Total
800 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.