Sinfonia (Conceito, Definição, Significado, O que é)

Conceito de Sinfonia: O termo Sinfonia designa um tipo de composição musical, adaptada da sonata, escrita para orquestra e que geralmente é composta por…

Conceito de Sinfonia

O termo Sinfonia designa um tipo de composição musical, adaptada da sonata, escrita para orquestra e que geralmente é composta por vários andamentos ou secções independentesSinfonia, embora por vezes existam sinfonias compostas num único andamento. A sinfonia pode também incluir peças para voz, coro ou instrumento sem acompanhamento.

Estrutura da Sinfonia

O esquema da sinfonia é geralmente composto por quatro andamentos e cuja estrutura é a seguinte:

  • Primeiro Andamento: é escrito segundo as características da forma da sonata, a qual inclui três divisões básicas: a exposição (apresentação do tema), o desenvolvimento (auge do tema através da utilização de recursos como as modulações, as cadências e a dinâmica), e a reexposição (repetição do tema apresentado na exposição mas com algumas modificações técnicas).
  • Segundo Andamento: andamento de tempo lento, escrito segundo uma forma tripartida que pode recorrer à estrutura da sonata ou a outras formas, como por exemplo o rondó ou as variações.
  • Terceiro Andamento: andamento composto por minueto e trio ou por scherzo e trio, em que o tempo é moderadamente rápido.
  • Quarto Andamento: é escrito segundo a forma do rondó ou, por vezes, da sonata e em que o tempo é rápido.

Evolução Histórica da Sinfonia

As origens da sinfonia podem ser encontradas na música do Barroco e mais concretamente no chamado Concerto Ripieno. Durante o século XVIII e com a chegada do Classicismo, este género musical foi-se reafirmando e tomando a sua forma. Para tal foi decisivo o contributo inicial de compositores como Sammartini ou Pergolesi e mais tarde dos membros da Escola de Mannheim. Destacam-se os casos de Mozart e de Haydn com brilhantes composições e que abrem o caminho para Beethoven, o representante máximo da Sinfonia Clássica. No modelo de Beethoven, é estabelecida a estrutura em quatro andamentos e são assentes as bases dos conjuntos orquestrais. Com a chegado do Romantismo, diversos compositores, entre os quais Shubert, Mendelssonhn, Schumann e Brahms, aperfeiçoam o modelo e convertem a sinfonia num canal preferencial de expressão do Romantismo. Já no século XIX  e início do século XX é a vez de Dvorak, Tchaikovsky, Sibelius, Mahler e Bruckner darem também importantes contributos. Uma referência ainda para outros importantes sinfonistas como Stravinsky, Prokofiev e Shostakovich.

3554 Visualizações 1 Total
3554 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.