Carmina Burana

Definição de “Carmina Burana”

«Carmina Burana» é o nome, em latim, atribuído a um manuscrito medieval que contempla um conjunto de poemas e canções de taberna datadas do século XI ao século XIII.

A origem do seu nome é atribuída ao facto de a coletânea ter sido encontrada no convento benedito de Beuern (do qual deriva a palavra “burana”), na região da Baviera, na Alemanha, em 1803.

 A maioria destas composições foi redigida em latim e em alemão arcaico, caracterizando-se por um lirismo aliado a um espírito satírico, folgazão e mordaz de crítica social, particularmente quanto aos vícios do clero ou da burguesia. Algumas destas canções foram compostas pelo compositor alemão Karl Orff para coro e para orquestra na sua cantata de 1937, também intitulada «Carmina Burana».

«Carmina Burana» também inclui alguns textos dramáticos com temáticas associadas às festividades religiosas como, por exemplo, a Páscoa, ou o Natal e ainda «Ludus breviter de Passione», sobre a Paixão de Cristo, ou «Peregrinus», que retrata as duas primeiras vezes em que Jesus Cristo apareceu aos seus apóstolos.

236 Visualizações 1 Total
236 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.