Estabelecimentos Hoteleiros

O texto tem como objetivo fundamental apresentar uma exposição sobre as principais tipologias de “Estabelecimentos Hoteleiros” mais comuns a nível nacional.

Os estabelecimentos hoteleiros são uma componente que integra um produto turístico; os mesmos desempenham assim um papel importante para os territórios que apostem na atividade turística.

A nível nacional as tipologias mais comuns de estabelecimentos hoteleiros são: os hotéis (de 1 a 5 estrelas), os hotéis-apartamentos (de 2 a 4 estrelas), as pousadas, as estalagens (de 4 a 5 estrelas), as albergarias (4 estrelas), as pensões (de 2 a 4 estrelas), os motéis (de 2 a 3 estrelas), os aldeamentos e/ou os apartamentos turísticos e os parques de campismo.

O Hotel (oriundo da palavra francesa que designava: os palácios urbanos) é um estabelecimento hoteleiro especializado em proporcionar acomodações para turistas (a hospedagem). Esse meio de hospedagem, geralmente, é classificado de uma a cinco estrelas, de acordo com o conforto, luxo e serviços oferecidos. A maioria dos hotéis oferecem também serviços de alimentação, eventos e outros para uma maior satisfação e permanência de seus hóspedes.

Os Hotéis-apartamentos são estabelecimentos hoteleiros constituídos por um conjunto de pelo menos 10 apartamentos equipados e independentes, locados dia-a-dia a turistas, que ocupam a totalidade ou parte independente de um edifício, desde que constituídos por pisos completos e contíguos, com acessos próprios e diretos aos pisos ocupados pelo estabelecimento para uso exclusivo dos seus utentes, com serviço de restauração e com, pelo menos, serviços de arrumação e de limpeza.

Em Portugal, a expressão Pousada refere-se a uma rede de estabelecimentos hoteleiros de alta qualidade, intitulada por “Pousadas de Portugal”. As Pousadas foram criadas na década de 1940 e muitas delas estão situadas em monumentos nacionais. Esta rede de estabelecimentos hoteleiros é caraterizada por proporcionar serviços de alta qualidade e conforto aos turistas.

As Estalagens são estabelecimentos hoteleiros instalados em um ou mais edifícios, que, pelas suas características arquitetónicas, estilo do mobiliário e serviço prestado, estejam integrados na arquitetura regional e disponham de zona verde ou logradouro natural envolvente, fornecendo aos seus turistas serviços de alojamento e refeições.

As Albergarias caraterizam-se por ser meios de hospedagem de baixo-custo em comparação com as pousadas e/ou os hotéis. A maioria dos consumidores que frequentam os Albergues são geralmente estudantes ou turistas que querem um meio de hospedagem barato e/ou apenas para passar as noites em um lugar confortável.

As Pensões são estabelecimentos hoteleiros com restaurante e com um mínimo de seis quartos, que ocupam a totalidade ou parte independente de um edifício, desde que constituídas por pisos completos e contíguos, com acessos próprios e diretos aos pisos ocupados pelo estabelecimento para uso exclusivo dos seus utentes, e que pelas suas instalações, equipamento, aspeto geral, localização e capacidade, não obedeçam às normas estabelecidas para a classificação como hotel e/ou estalagem, fornecendo aos seus clientes serviços de alojamento e/ou de refeições.

Os Motéis são uma espécie de hotéis localizados junto a estradas de grande circulação e inicialmente eram preparados para acolher automobilistas e/ou turistas de passagem; porém, os Motéis tendo em conta a sua localização estratégica e o atendimento discreto (onde a privacidade dos clientes é respeitada) acabaram por se transformar em estabelecimentos hoteleiros maioritariamente vocacionados para “escapadelas românticas”.

Os Aldeamentos Turísticos são estabelecimentos hoteleiros constituídos por um conjunto de instalações funcionalmente interdependentes com expressão arquitetónica homogénea, situadas num espaço delimitado e sem soluções de continuidade, que se destinem a proporcionar, mediante remuneração, alojamento e outros serviços complementares e de apoio a turistas.

Por último, os Parques de Campismo são estabelecimentos hoteleiros onde se estabelecem as caravanas e/ou as tendas que permitem os turistas acampar. Normalmente, os Parques de Campismo estão localizados perto de áreas verdes e na maioria dos casos os campistas devem levar todo o material necessário para se hospedarem.

1348 Visualizações 3 Total

References:

  • Cunha, L. (2007). Introdução ao Turismo. Lisboa: Editorial Verbo
  • http://www.turismodeportugal.pt/
1348 Visualizações

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo

Flag Counter