Moita, Portugal

Este artigo é patrocinado por: «A sua instituição aqui»

Apresentação da cidade e município da Moita

Moita é um município português localizado no distrito de Setúbal, na região de Lisboa e sub-região da Península de Setúbal. É um município com 77 600 habitantes, de acordo com os censos de 2011, com quatro freguesias em 55,26 km². O município é limitado a norte, através de baixios do Estuário do Tejo, pela área principal do município do Montijo, a nordeste também pelo Montijo, a sudeste e a sul por Palmela e a oeste pelo Barreiro.

As quatro freguesias do concelho da Moita são Alhos Vedros, Baixa da Banheira e Vale da Amoreira, Gaio-Rosário e Sarilhos Pequenos e Moita.

História

É do período Neolítico que remontam as origens da ocupação humana, comprovada por achados arqueológicos da jazida do Gaio. Posteriormente verifica-se a existência de um núcleo humano em Alhos Vedros em meados do século XIII, como certifica um documento datado de 30 de janeiro de 1298.

A 5 de outubro de 1319 surge a freguesia de São Lourenço de Alhos Vedros. Alhos Vedros recebe o estatuto de vila em 1477, o poder municipal em 1479 e a carta de foral em 1514.

Com o tempo assiste-se ao crescimento da Moita, que culmina com a sua elevação a vila em 1691. No final do século XVII passaram a existir duas vilas e dois concelhos, com as respetivas áreas jurisdicionais. No século XIX, consequência das reformas administrativas, Alhos Vedros perdeu a sua autonomia municipal e foi integrado como freguesia, inicialmente no Barreiro (1855) e em seguida na Moita (1861).

Património

No que ao património histórico e arquitetónico deste concelho podemos destacar os seguintes locais:

  • Capela de Santa Casa da Misericórdia de Alhos Vedros
  • Igreja de São Lourenço de Alhos Vedros
  • Pelourinho de Alhos Vedros
  • Ermida de Nossa Senhora do Rosário
  • Igreja Paroquial de Nossa Senhora da Boa Viagem
  • Capela do Carvalhido

Gastronomia

A gastronomia local é marcada pela proximidade com o mar e com o rio Tejo, destacando-se pratos como caldeirada à fragateiro, massinha da caldeirada, ensopado de enguias, arroz de marisco, choco frito, massa de peixe, massinha de sapateira e grelhados no carvão.

Geminações

Com o objetivo de aproximar os povos e criar laços históricos e culturais de amizade, o município celebrou os seguintes Protocolos de Geminação:

  • Tarrafal (Cabo Verde)
  • Plaisir (França)
  • Pinhel (Portugal)

Brasão da cidade

Moita

O brasão da cidade é um escudo de prata, com um sobreiro de verde, frutado de ouro, troncado e arrancado de negro, realçado de prata. Em chefe uma cruz de Santiago, de púrpura, acompanhado de dois cachos de uvas de púrpura folhados de verde. A coroa mural é de prata de quatro torres e o listel é branco com os dizeres VILA DA MOITA a negro.

Municípios do Distrito de Setúbal

Alcácer do Sal Alcochete Almada Barreiro Grândola
Moita Montijo Palmela Santiago do Cacém Seixal
Sesimbra Setúbal Sines
47 Visualizações 1 Total
47 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.