Mação, Portugal

Este artigo é patrocinado por: «A sua instituição aqui»

Apresentação da vila e município de Mação

Mação é um município português localizado no distrito de Santarém, na região do Centro e sub-região do Médio Tejo. É um município com 7 338 habitantes, de acordo com os censos de 2011, com seis freguesias em 399,98 km². O município é limitado a nordeste por Proença-a-Nova, a leste por Vila Velha de Ródão e Nisa, a sul por Gavião, a sudoeste por Abrantes, a oeste pelo Sardoal e por Vila de Rei e a noroeste pela Sertã.

As seis freguesias do concelho de Mação são Amêndoa, Cardigos, Carvoeiro, Envendos, Mação, Penhascoso e Aboboreira e Ortiga.

História

O concelho de Mação foi uma importante zona paleontológica e arqueológica, uma vez que um pouco por todas as suas freguesias é possível encontrar fósseis. Além disso, em termos arqueológicos o concelho mantém vestígios da época Romana.

No início da nacionalidade Mação era um pequeno lugar que pertenceu ao termo de Belver na Ordem de Malta até ao início do século XIV. O primeiro foral foi concedido pela Rainha Santa Isabel.

Património

Neste concelho é possível encontrar vários vestígios arqueológicos de relevo, nomeadamente:

  • Representação de um equídeo junto à ribeira da Ocreza – o primeiro achado de arte paleolítica ao ar livre no sul de Portugal
  • Anta da Foz do Rio Frio (freguesia de Ortiga)
  • Castelo Velho do Caratão – datado da idade do Bronze localizado numa serra entre as ribeiras de Eiras, do Aziral e do Caratão
  • Castro de São Miguel – da Idade do Bronze, localizado na Serra de S. Miguel
  • Ponte da Ladeira (freguesia de Envendos)
  • Ponte da Isna
  • Ponte Romana sobre a Ribeira do Castelo
  • Balneário Romano do Vale do Junco (freguesia de Ortiga)

Além disso, podemos ainda identificar os seguintes locais:

  • Torre da antiga Igreja de Nossa Senhora da Conceição de Amêndoa
  • Capela de Nossa Senhora da Visitação do Carvoeiro
  • Ermida de Nossa Senhora do Pranto
  • Igreja de Nossa Senhora da Conceição
  • Pelourinho de Mação
  • Ermida de Santo António

Gastronomia

A gastronomia do concelho inclui pratos tradicionais, mas também enchidos e presuntos de elevada qualidade. De facto, neste concelho é produzido cerca de 70% do presunto nacional.

Um refeição completa em Mação começa com azeitonas, presunto, enchidos frios e queijo de cabra e ovelha. Nos rpatos de carne temos o cabrito assado em forno a lenha à moda de Mação, o feijão de matança e o bucho recheado. Da relação do concelho com o rio surgem o arroz de lampreia, o sável na telha, o achigã grelhado, a sopa à pescador, o ensopado de saboga e o ensopado de enguia. Para complementar não esquecer as migas e o vinho. No que respeita à doçaria pode provar as tigeladas de Cardigos, o mel, o bolo dos santos, o bolo finto, as fofas de Mação e os torrados.

Brasão da cidade

Macao

O brasão da cidade é um escudo de vermelho com uma ovelha de ouro. Em chefe está um cacho de uvas folhado acompanhado por duas abelhas, tudo de ouro. Orla de prata cortada por seis faixas onduladas de azul. A coroa mural é de quatro torres de prata e o listel é branco com a legenda VILA DE MAÇÃO a negro.

Municípios do Distrito de Santarém

Abrantes Alcanena Almeirim Alpiarça Benavente
Cartaxo Chamusca Constância Coruche Entroncamento
Ferreira do Zêzere Golegã Mação Ourém Rio Maior
Salvaterra de Magos Santarém Sardoal Tomar Torres Novas
Vila Nova da Barquinha
82 Visualizações 2 Total
82 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.