AMX International AMX

O AMX International AMX é uma aeronave monolugar de combate com múltiplas funções, sendo resultado da cooperação entre as empresas italianas Aeritalia e Aermacchi e a brasileira Embraer. O seu objectivo era a substituição dos Fiat G91 e F104G da Força Aérea Italiana e dos Embraer AT-26 da Força Aérea Brasileira através da construção deste pequeno caça-bombardeiro táctico. Projectado no início da década de 80, fez o seu voo inaugural e 1984, tendo entrado ao serviço em 1989.

O AMX International AMX está equipado com um turborreactor de duplo fluxo Fiat/Piaggio/Alfa Romeu Spey MK 807 de 5003 kg de potência, conseguindo atingir uma velocidade máxima de 1047 km/h. O seu tecto de serviço é de 13.000 m e tem um raio de acção a baixa altitude de 556 km. Tem um peso máximo à descolagem de 13.000 kg e vazio de 6.700 kg. A sua envergadura é de 8,87 m, o comprimento de 13,23 m e a superfície alar de 21 m2.

Relativamente ao armamento, está equipado com um canhão General Electric M61A1 de 20 mm (na versão italiana) ou dois canhões DEFA de 30 mm (na versão brasileira). Possui também cinco suportes externos de fixação com capacidade para cargas superiores a 3.800 kg e ainda dois trilhos nas pontas das asas para Sidewinder ou mísseis ar-ar.

499 Visualizações 3 Total
499 Visualizações

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo

Flag Counter