Churrasco

Churrasco é uma comida típica do Sul do Brasil e que se espalhou por todo o território brasileiro.

Churrasco é uma comida típica do Rio Grande do Sul, um dos Estados da República Federativa do Brasil. Apesar de essa ser considerada uma comida característica do povo gaúcho, sua origem remonta a tempos muito anteriores. Acredita-se, no entanto, que desde a descoberta do fogo o homem tenha começado a assar a carne por perceber que assim ela ficava mais macia.

As técnicas para assar a carne na brasa foram se aperfeiçoando com o tempo. Índios tupis da América do Sul, por exemplo, criaram um típico rudimentar de grelha de madeira. Nela defumavam a carne, a fim de que fosse conservada por mais tempo. Alguns historiadores apontam esse como um dos primeiros antepassados do churrasco.

Ainda na América do Sul surgiram as primeiras criações de gado, na região conhecida como o pampa. O churrasco como as pessoas conhecem hoje, no entanto, era diferente nessa época. Os vaqueiros, conhecidos como gaúchos, eram nômades, portanto não podiam ter churrasqueiras.

A alternativa encontrada pelos primeiros gaúchos foi criar uma estrutura triangular por cima do fogo. Era o chamado fogo de chão. A carne do churrasco era colocada em uma estaca, presa ao solo e sobre o fogo. Naquela época era fácil para eles abater um boi e carneá-lo.

Os vaqueiros, com o passar dos anos, se assentaram em fazendas e domesticaram o gado, o que, obviamente, ajudou a desenvolver as técnicas de churrasco. Afinal, agora que não são mais nômades, não é necessário fazer um fogo no chão ou mesmo cortar pedaços de carne sem técnica.

A evolução do churrasco

churrasco

Muitas pessoas no Brasil confundem o churrasco com o charque. São duas coisas diferentes, no entanto. O charque é carne seca, salgada e deixada no sol para secar. Surgiu no Nordeste brasileiro, como um meio de evitar que a carne estragasse, já que lá é um território mais quente.

O charque chegou ao Sul no século XVIII. Ele se tornou, assim como o churrasco, um símbolo dos gaúchos. Isso devido à Revolução Farroupilha, conhecida também como Guerra dos Farrapos. Essa revolução, que durou de 1835 a 1845, ocorreu justamente porque a Coroa brasileira teria aumentado os impostos sobre o charque.

A relação do povo gaúcho com a carne é, portanto, muito forte. Tanto o churrasco quanto o charque são elementos típicos do Sul do país. Com o passar dos anos, essa comida chegou aos demais lugares, e cada Estado do Brasil tem sua forma característica de assar a carne.

De forma mais ampla, churrasco significa, no Brasil, toda carne assada na churrasqueira ou no chão, como faziam os primeiros gaúchos. Normalmente é utilizado carvão para fazer o fogo, por sua praticidade, mas os mais conservadores preferem usar lenha. Há também churrasqueiras elétricas e a gás.

Os tradicionalistas do churrasco temperam a carne apenas com sal grosso. A carne bovina costuma ser a preferência, embora se use também carne de porco, de frango e embutidos como salsichão e linguiça. Um churrasco pode ser acompanhado de arroz, feijão, saladas e pão de alho.

Dentre os cortes bovinos mais comuns estão a picanha, a costela, o vazio, a maminha, a alcatra e o filé. Pernil, paleta e costeleta são as preferidas quando o assunto é churrasco suíno. As carnes de frango preferidas são asa, coxa, sobrecoxa e peito. Carne de cordeiro e de ovelha também costuma ser comum.

A origem da palavra churrasco é controversa. Há quem aponte que ela é a onomatopeia da carne assando na brasa. Outras fontes afirmam que o vocábulo churrasco deriva de uma palavra antiga, sukarra. Su seria fogo e karra seria chama. O castelhano adotou essa palavra na forma de socarrar, que originou variantes como churrascar.

39 Visualizações 1 Total
39 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo