Acordos de Bicesse

Apresentação dos Acordos de Bicesse

Os Acordos de Bicesse, assinados em 31 de maio de 1991 na localidade portuguesa de Bicesse, próximo do Estoril, por José Eduardo dos Santos, líder do MPLA, e Jonas Savimbi, líder da UNITA, tinham por objetivo o fim da Guerra Civil em Angola, que opunha os dois movimentos rivais desde a independência do país em 1975. A assinatura dos acordos acontece após cerca de um ano de conversações secretas entre delegações do MPLA e da UNITA, que decorreram em Évora sob mediação portuguesa e em que também participavam como observadores representantes dos Estados Unidos da América, da União Soviética e da ONU. Os acordos previam o fim das hostilidades e a formação de um exército nacional angolano unificado (com o apoio do Estado Português) e estipulavam o calendário para as primeiras eleições livres e democráticas em Angola.

A assinatura dos acordos permitiu o fim das hostilidades em Angola, mas a guerra civil voltou em 1992, logo após as eleições previstas nos próprios acordos, durando até 2002, ano que Jonas Savimbi é morto pelas forças governamentais.

48 Visualizações 2 Total
48 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo