Gostaria de ser nosso colaborador?

É especialista em alguma das áreas de conhecimento presentes na nossa enciclopédia? Tem gosto pela escrita? Gostaria de ser editor numa enciclopédia em português, integralmente escrita por especialistas? Gostaria de partilhar conhecimento?

Se a sua resposta é sim, então envie-nos o seu CV para geral@knoow.net para que possamos analisar e enviar mais detalhes sobre a forma de colaboração.

 

Áreas para as quais procuramos especialistas:

  •  História do Brasil
  •  História de Angola
  •  História de Moçambique
  •  Medicina
  •  Medicina Veterinária
  •  Filosofia
  •  Sociologia
  •  Contabilidade
  •  Direito
  •  Mecânica
  •  Química
  •  Física
  •  Matemática

 

Estádio do Sport Lisboa e Benfica

Apresentação do Estádio do Sport Lisboa e Benfica (ou Estádio da Luz): características principais do estádio, história e acontecimentos mais relevantes ocorridos no estádio,…

Estádio do Sport Lisboa e Benfica

O Estádio do Sport Lisboa e Benfica, vulgarmente conhecido como Estádio da Luz, com capacidade para mais de 65 mil espetadores, localiza-se em Lisboa e é o estádio onde o Sport Lisboa e Benfica recebe as equipas visitantes.

…..

Estádio do Sport Lisboa e Benfica

estadio-do-sport-lisboa-e-benfica-01

Estádio do Sport Lisboa e Benfica
 .

Dados Gerais

Designação ofical: Estádio do Sport Lisboa e Benfica
Outras designações: Estádio da Luz e ‘A Catedral’
Localização: Lisboa, Portugal
Proprietário: Sport Lisboa e Benfica
Clube: Sport Lisboa e Benfica
Capacidade: 66.147 espetadores
Inauguração: 25 de outubro de 2003
Custos de construção: 118,7 milhões de Euros
Arquiteto: Damon Lavelle
Importante: Clique para comentar ou colocar questões sobre este tema >>>

.

O antigo Estádio da Luz

O início da construção do antigo Estádio da Luz acontece em 14 de Junho de 1953. As obras duraram cerca de um ano e custaram cerca de 60 mil Euros. Na estreia do Estádio, contra o Futebol Clube do Porto, em 1 de Dezembro de 1954, o Benfica foi derrotado por 3 bolas a zero.

Inicialmente o antigo estádio tinha capacidade para 40.000 espetadores distribuídos por dois ‘anéis’ nas bancadas. Contudo, o êxito desportivo nas décadas de 50 e 60, que levaram inclusive a que o Clube vencesse duas Taças dos Campeões Europeus, tornou premente a necessidade de se construir um terceiro anel. Em 1960, foi concluída a primeira parte do famoso “Terceiro Anel”, mas a sua conclusão ocorreria apenas em 1985, e a capacidade  oficial do estádio passou para 120 mil pessoas. Contudo, em algumas ocasiões, essa capacidade foi claramente excedida. Por exemplo, na meia-final da Taça dos Campeões estadio-do-sport-lisboa-e-benfica-02Europeus contra o Marselha, em 1990, e na final do Campeonato Mundial de sub-20, em 1991, estavam presentes no Estádio cerca de 130.000 e 127.000 espectadores, respectivamente. No entanto, com a introdução de cadeiras no estádio, o estádio passou a ter apenas 97.000 lugares disponíveis.

No antigo Estádio da Luz realizaram-se alguns dos mais importantes jogos da história do futebol português. E de todos, o momento mais épico foi, sem dúvida, a final do Mundial de Juniores de 1991, na qual se defrontaram as seleções de Portugal e do Brasil. Participavam nesse jogo pelo Brasil jogadores como Roberto Carlos, Paulo Nunes e Élber e, por Portugal, Jorge Costa, Figo, Rui Costa e João Pinto, entre muitos outros, que mais tarde viriam a ficar conhecidos como a ‘Geração de Ouro’. O jogo ficou empatado após os 120 minutos e foi decidido nas grandes penalidades. O Estádio quase ‘veio abaixo’ com o penalty decisivo marcado por Rui Costa, jovem jogador que viria a ser uma das grandes referências do futebol do Benfica.

Com a vitória da candidatura portuguesa à organização do Euro 2004, e num contexto de conturbadas relações e condições em que o Benfica se encontrava na altura, teve que se proceder a uma reflexão sobre o que se faria com o estádio. Primeiro pensou-se em reformular o mesmo mas, com a reprovação desta opção, considerou-se retirar o estádio da candidatura, passando o Estádio José de Alvalade como candidato a receber a final. Finalmente, em 2001, a após a realização de eleições para a presidência do Benfica, foi decidida a construção de um novo estádio e a demolição do antigo.

O novo Estádio da Luz

Decidida a construção do novo Estádio, a mesma foi iniciada logo após a eleições para a presidência do clube no ano de 2000. A inauguração ocorreria em 25 de Outubro de 2003, num jogo amigável com o Nacional de Montevidéu e, alguns meses depois, receberia a Final do Europeu de 2004, entre Portugal e a Grécia, lugar onde a Grécia venceu o seu primeiro título ao nível de  Seleções. Dez anos mais tarde, em 2014, foi também palco de uma final da Liga dos Campeões, jogada entre os vizinhos madrilenos do Real Madrid e do Atlético de Madrid. Neste jogo participaram 4 jogadores portugueses, nomeadamente os ex-atletas do Benfica Tiago Mendes e Fábio Coentrão, o luso-brasileiro Pepe e ainda Cristiano Ronaldo que marcaria um golo de penalty no prolongamento.

Apesar de possuir instalações muito mais modernas e acolhedoras, a capacidade do novo Estádio da Luz é significativamente inferior à do antigo, possuindo apenas cerca de 66 mil lugares disponíveis. Contudo, e apesar da redução da capacidade, o Estádio da Luz continua a ser o maior de Portugal e mantém-se entre os maiores da Europa (ver 50 maiores Estádios da Europa).

O complexo que integra o Estádio inclui ainda o Museu Benfica Cosme Damião, onde estão expostos os símbolos e troféus mais marcantes da história do clube, entre os quais as duas Taças dos Campeões Europeus vencidas na década de 1960.

2808 Visualizações 1 Total
2808 Visualizações

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo