Del Piero

Del Piero é ex-futebolista que se destacou ao serviço da Juventus e da selecção de Itália, venceu a liga dos campeões e o mundial de selecções. Jogou 19 anos na Juventus e conta com passagens pelo futebol da Austrália e Índia.

Alessandro Del Piero nasceu a 9 de novembro de 1974, na cidade de Conegliano, a norte de Itália. Del Piero como ficou conhecido no mundo do futebol, é um ex-avançado considerado um dos melhores jogadores italianos de sempre, passou grande parte da carreira na Juventus, sendo visto como uma das maiores lendas do clube.

222222222222222

O ano de 1974 ficou marcado pelo Mundial de futebol, que se realizou no lado ocidente da Alemanha, o anfitrião acabara por vencer a prova, que ficou também marcada pela desilusão italiana, com a seleção transalpina a não ir além da fase de grupos, ao mesmo tempo que uma geração comandada por Dino Zoff caía, uma futura via um dos seus futuros melhores jogadores nascer.

Del Piero desde cedo demonstrou gosto pelo futebol e com apenas seis anos começou a jogar, levando o presidente do clube local a chamar a atenção dos dirigentes do Padova, do caso sério que o pequeno Alessandro poderia vir a tornar-se. Convencidos das capacidades do jovem, avançaram para a sua contratação e, com apenas catorze anos de idade rumava ao Padova, do segundo escalão italiano. Aos dezasseis estreava-se na equipa principal, onde realizou duas épocas, tempo suficiente para despertar o interesse dos tubarões do Calcio, foi a Juventus, na altura comandada por Giovanni Trapatonni que levou a melhor sobre a concorrência e conseguiu a sua aquisição.

A 12 de setembro de 1993, Del Piero entra em campo oficialmente com a camisola da Juve pela primeira vez, na altura entrou a 20 minutos do final da partida frente ao Foggia para substituir Fabrizio Ravanelli, a época não foi fácil para o jovem estreante, a Juve contava com alguns dos maiores nomes do futebol, o próprio Ravanelli, mas também Baggio, Conte ou Gianluca Vialli, o que tornava difícil a tarefa de entrar na equipa, mesmo assim, Del Piero realizou 15 jogos e apontou 5 golos. A época viria a terminar com o Milan campeão e os bianconeri em segundo lugar, Trapatonni sai e cedo o lugar a Marcello Lippi.

Com a chegada de Lippi, Del Piero assume definitivamente a titularidade, nessa época realiza 50 partidas oficiais e 11 golos marcados, a época termina com a dobradinha e a taça UEFA perdida apenas na final para a rival Parma, a época marca também a estreia pela seleção principal de Itália. No total foram 19 épocas consecutivas a representar a “Velha Senhora”, sempre como uma das suas figuras, a serviço da Juve conquista seis ligas italianas, uma taça de Itália, quatro supertaças, uma liga dos campeões, uma taça Intertoto, uma supertaça europeia, uma taça internacional e ainda uma segunda liga. Apontou golos em todas as competições em que participou, tornando-se no segundo italiano com mais golos de sempre, com 246 golos, apenas superado por Silvio Piola, com 390 golos, foi ainda eleito em 1998 e 2008 como futebolista do ano da Serie A.

Ao serviço da seleção principal italiana, Del Piero participou em quatro europeus e três mundiais, tendo vencido um deles, em 2006. Ao serviço da seleção transalpina, realizou 91 partidas, o que faz dele o décimo jogador com mais jogos e marcou 27 golos, que o colocam como quinto maior goleador de sempre.

O ano de 2006 fica marcado como um ano de contrastes na vida de Del Piero, se ao serviço de Itália vencia o mundial de seleções, que escapava há Squadra Azzura desde 1982, ao mesmo tempo via a sua Juventus envolvida no escândalo de corrupção Calciopoli, que viria a condenar a Juve há descida de divisão. Muitos dos jogadores que ajudaram os bianconeri na conquista de vários Scudettos abandonaram o clube com a descida mas Del Piero, recusou-se a abandonar o clube, justificando, “Um verdadeiro cavalheiro nunca abandona a sua senhora”. E assim foi, Del Piero manteve-se fiel à Velha Senhora e capitaneou-a no regresso do clube à Serie A.

Esteve ainda mais cinco épocas no clube, onde na derradeira época conseguiu conquistar o seu último título de campeão italiano, após 19 anos de Juventus, Del Piero que havia chegado com menos de 20 anos, partia com 38 anos, rumando à Australia e ao Sydney FC onde realizou duas épocas, contabilizando 48 jogos e 24 golos, acabado a carreira no Delhi Dynamos, na Índia, despedindo-se aí dos relvados com 10 jogos e 1 golo.

Del Piero está para sempre eternizado na história da Juventus, tendo ao longo de toda a carreira realizado 513 jogos e apontado 208 golos.

181 Visualizações 1 Total
181 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo