Celtic de Glasgow

O Celtic é umas das equipas mais bem-sucedidas do futebol escocês, e a única proveniente da Escócia a conquistar uma Taça dos Campeões Europeus.

Logo Celtic de Glasgow

Logo Celtic de Glasgow

Fundação: 6 de Novembro de 1887.

Cidade/país: Glasgow, Escócia.

Estádio: Celtic Park

Cor equipamento principal: Verde e Branco.

Principal rival: Glasgow Rangers.

Epíteto: The Bhoys, The Hoops e The Celts.

História:

O The Celtic Football Club, mais conhecido simplesmente como Celtic de Glasgow ou Celtic, foi fundado a 6 de Novembro de 1997 pelo Padre Walfrid Kerins da Igreja católica de St Mary em Glasgow. O clube de futebol surgia como forma de ajudar a paróquia em angariar receitas para o seu projecto, The Poor Children Dinner Table, em português A Mesa de Jantar das Crianças Pobres, com o objectivo de ajudar a comunidade irlandesa residente em Glasgow, profundamente descriminada na sociedade escocesa por serem irlandeses e católicos. O nome Celtic foi escolhido tendo em conta a presença Celta na Escócia e Irlanda, e influência que esta cultura teve nos dois países, servindo como forma de aglomeração entre a Irlanda e Escócia em Glasgow.

Com o objectivo solidário em mente, as primeiras partidas do clube foram disputados como meio de angariação de receitas. O primeiro encontro disputado com o clube que tornar-se-ia o seu grande rival, o Glasgow Rangers, foi disputado a 28 de Maio de 1888, com uma vitória do Celtic por 5-2. A rivalidade entre Celtic e Rangers vai muito mais além do futebol, é uma profunda divisão no seio do cristianismo, os católicos apoiam o Celtic, os protestantes o Rangers.

O primeiro troféu do clube não tardaria muito, a conquista da Taça da Escócia em 1892 por 5-1 ante o Queen’s Park, que dominava a competição desde a sua formação. O clube tornou-se profissional nesse mesmo ano. Com a profissionalização do clube já em vigor conquista o primeiro campeonato escocês na época 1892-93, e entre este e 1910 demonstra um domínio avassalador do campeonato, ao vencê-lo por 10 vezes neste período. A década de 10 trouxe a conquista do tetra campeonato entre 1914 e 1917, com um impressionante recorde de 62 jogos sem perder entre Novembro de 1915 e Abril de 1917, contrariamente à generalidade dos campeonatos na Europa, o campeonato escocês não foi interrompido durante a Primeira Guerra Mundial.

O período entre guerras e após o final da Segunda Guerra Mundial não foi muito positivo para o Celtic, conquistou seis campeonatos até 1965, e nove taças. Após uma seca de onze anos o Celtic volta a ser campeão na temporada de 1965-66, e abre a série de uns impressionantes nove campeonatos conquistados consecutivamente até a temporada de 1974-75.

A vitória no campeonato de 1965-66 permitiu ao clube participar na Taça dos Campeões Europeusde 66-67, e surpreendentemente conquista o troféu numa vitória por 2-1 frente ao Inter de Milão no Estádio do Jamor em Lisboa. Esta vitória foi surpreendente, porque foi a primeira equipa não latina a conquistar este troféu, até esse ano apenas portugueses, espanhóis e italianos tinham vencido esta competição, e por ter derrotado o Inter de Milão que tinha conquistado as últimas duas edições deste troféu.

Após esta época dourada o clube conquista apenas cinco campeonatos nas décadas de 80 e 90, e vê o Rangers atingir o seu recorde de nove campeonatos conquistados consecutivamente neste período. Assim como o Rangers tinha impedido o décimo campeonato consecutivo do Celtic, o Celtic impediu o décimo do Rangers ao sagrar-se campeão na época de 1997-98.

O novo milénio trouxe mais conquistas para o clube e novo domínio no futebol inglês a partir de 2012, o grande rival Rangers viu-se obrigado a declarar insolvência e o Celtic ficou sem rival a altura na disputa pelo campeonato. Embora já com domínio a partir de 2000, o Celtic viu o rival conquistar alguns campeonatos até 2012, e todas as temporadas eram uma batalha entre os dois para ver quem sagrava-se campeão. A nível europeu o Celtic atingiu a final da Taça UEFA em 2003 mas foi derrotado na final pelo FC Porto por 3-2, continuou a participar nas competições europeias quer na Liga dos Campeões quer na Liga Europa, mas nunca conseguiu nenhum resultado de relevo.

A final da Taça UEFA de 2003 marcou o recorde de deslocação de adeptos de uma equipa numa competição europeia ao deslocar 115 mil adeptos para Sevilha onde a final foi disputada. Assim como os adeptos do Liverpool, os adeptos do Celtic tornaram o You Will Never Walk Alone um hino não-oficial do clube.

Títulos:

  • Vencedor Campeonato escocês por 46 vezes: 1892-93, 1893-94, 1895-96, 1897-98, 1904-05, 1905-06, 1906-07, 1907-08, 1908-09, 1909-10, 1913-14, 1914-15, 1915-16, 1916-17, 1918-19, 1921-22, 1925-26, 1935-36, 1937-38, 1953-54, 1965-66, 1966-67, 1967-68, 1968-69, 1969-70, 1970-71, 1971-72, 1972-73, 1973-74, 1976-77, 1978-79, 1980-81, 1981-82, 1985-86, 1987-88, 1997-98, 2000-01, 2001-02, 2003-04, 2005-06, 2006-07, 2007-08, 2011-12, 2012-13, 2013-14 e 2014-15.
  • Vencedor Taça da Escócia por 36 vezes: 1892, 1899, 1900, 1904, 1907, 1908, 1911, 1912, 1914, 1923, 1925, 1927, 1931, 1933, 1937, 1951, 1954, 1965, 1967, 1969, 1971, 1972, 1974, 1975, 1977, 1980, 1985, 1988, 1989, 1995, 2001, 2004, 2005, 2007, 2011 e 2013
  • Vencedor Taça da Liga escocesa por 15 vezes: 1957, 1958, 1966, 1967, 1968, 1969, 1970, 1975, 1983, 1998, 2000, 2001, 2006, 2009 e 2015.
  • Vencedor Taça dos Campeões Europeus: 1966-67.
610 Visualizações 1 Total

References:

http://www.zerozero.pt/text.php?id=5271

http://www.celticfc.net/mainindex

610 Visualizações

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo