Campeonato do Mundo de Futebol (Seleções)

O Campeonato do Mundo de Futebol FIFA, conhecido também por Mundial é uma competição internacional que envolve todas as seleções inscritas na FIFA e ocorre a cada 4 anos. Esta competição foi criada em 1928, em França, sob a tutela do então presidente da FIFA, Jules Rimet.  O antigo nome da taça, TAÇA JULES RIMET faz referência ao próprio fundador do campeonaot. A primeira edição ocorreu em 1930, no Uruguai e o próprio país anfitrião saiu vencedor. Desde então, a competição tem que ser realizada, com excepção da interrupção causada pela Segunda Guerra Mundial. O Brasil é a seleção mais conceituada, visto que nunca falhou uma competição (sendo a única seleção que participou em todas as fases finais), e também a que venceu mais vezes (5 até ao momento).

 

Taça Jules Rimet, entretanto roubada

 

Á excepção do primeiro Mundial, o Campeonato decorre em duas fases distintas, uma fase de qualificação, e posteriormente uma fase final realizada num país sede e que dura mais ou menos um mês. O número de participantes varia de competição para competição. Com frequência têm sido realizados alargamentos para que mais clubes participem das fases finais de cada competição, num ou mais países sede (como exemplo o que aconteceu no ano 2002 onde a sede foi repartida entre dois países, a República da Coreia (Ou Coreia do Sul) e o Japão). Com a realização do Mundial na África do Sul em 2010, a maioria dos continentes já recebeu a fase final de cada competição (apenas a Oceania, que tem uma expressão futebolística menor, não foi ainda cidade sede do Campeonato do Mundo).

Até hoje, apenas oito seleções lograram conquistar o Mundial, sendo eles o Brasil (cinco vezes), a Alemanha (quatro vezes), Itália (quatro vezes), Argentina (duas), Uruguai (duas vitórias), Espanha (uma), França (uma), Inglaterra (uma). O Uruguai (1930), a Itália (1934), a Inglaterra (1966), a Alemanha (1974) a Argentina (1978) e a França (1998) conseguiram vencer a competição que decorreu em sua própria casa.

Enquanto, os únicos países a ganharem fora de seus continentes são o Brasil na Europa (1958) e na Ásia (2002), a Espanha em África (2010), a Alemanha na América do Su (2014).

Em termos sociais, o Mundial de Clubes é o evento desportivo mais assistido em todo o mundo, e ultrapassa em importância inclusive os Jogos Olímpicos. Isso reflete-se também na economia do país-sede que normalmente tem crescimetno em alguns setores. São construídas instalações desportivas, nas quais inclui-se estádios e centros de estágio, construídos ou reformados para a ocasião. Além disso são melhoradas estradas, aeroportos, hotéis, e infraestruturas para receber os visitantes. Também existem problemas políticos associados à realização do Mundial. Por exemplo, em 1978, Johan Cruyff não quis participar por causa dos problemas sociais e políticos na Argentina.

O projeto de organizar um Mundial surge na época da criação da FIFA. Estava prevista a primeira tentativa da edição em 1906 para a Suiça, com quatro grupos de quatro seleções. A primeira Guerra Mundial bloqueou a segunda tentativa de um campeonato mundial de clubes. Depois da eleção de Jules Rimet, conseguiu-se um diálogo construtivo que deu origem ao Campeonato.

O Campeonato Mundial de Clubes FIFA foi aprovado numa conferência em Amesterdão em 26/5/1928. por 25 votos a favor, cinco contra e uma abstenção. O Uruguai foi escolhido como país sede em 18/5/1929 para celebrar o centenário da sua independência, além de ser a bicampeã olímpica.

Taça do Mundo atual

O Brasil, com três vitórias conseguiu ficar permanentemente com a Taça Júlio Rimets, e está a uma conquista de ficar com a Taça do Mundo atual.

82 Visualizações 2 Total
82 Visualizações

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo

Flag Counter