Gostaria de ser nosso colaborador?

É especialista em alguma das áreas de conhecimento presentes na nossa enciclopédia? Tem gosto pela escrita? Gostaria de ser editor numa enciclopédia em português, integralmente escrita por especialistas? Gostaria de partilhar conhecimento?

Se a sua resposta é sim, então envie-nos o seu CV para geral@knoow.net para que possamos analisar e enviar mais detalhes sobre a forma de colaboração.

 

Áreas para as quais procuramos especialistas:

  •  História do Brasil
  •  História de Angola
  •  História de Moçambique
  •  Medicina
  •  Medicina Veterinária
  •  Filosofia
  •  Sociologia
  •  Contabilidade
  •  Direito
  •  Mecânica
  •  Química
  •  Física
  •  Matemática

 

Classificação Geral Equipas Fórmula 1

A Classificação Geral das Equipas de Fórmula 1 só começou em 1958 sendo que a equipa italiana Ferrari é a recordista com 16 triunfos.

A Classificação Geral das Equipas de Fórmula 1 só começou em 1958 ao contrário da individual que já começara em 1950. Chegava-se ao vencedor da classificação através da contabilização de pontos entre os atletas que representavam cada equipa, sendo que até 1979, apenas contava o melhor piloto de cada equipa em cada corrida e não ambos os pilotos. A partir de 1980, modificou-se a regra para se contabilizar os dois pilotos da equipa nas corridas em que chegassem dentro das posições pontuáveis. A equipa inglesa da Vanwall foi a primeira equipa a sagrar-se campeã mundial de construtores na Fórmula 1. A motorização e a qualidade de atletas são dois dos aspectos essenciais. Primeiro, houve um domínio dos motores Ford com a Lotus mas a Ferrari começou a contrariar esse poderio em 1975, vencendo seis títulos de construtores em nove anos. Entre 1986 e 1991, os motores Honda ajudaram a Williams e a Renault a alcançarem o título mundial nesses anos. A inovação tecnológica começava-se a verificar cada vez mais nos carros e era mais um imperativo a ter em conta. Entre 1992 e 1997, a Williams-Renault venceu todos os campeonatos de construtores, à excepção de 1994, ano negro da equipa inglesa pela morte do seu piloto Ayrton Senna, à terceira prova do calendário. Depois, regressou o poderio da Ferrari nos construtores com oito títulos de campeões mundiais de marcas entre 1999 e 2008, sendo a marca recordista de títulos com 16 conquistas. A Renault cedeu os seus motores à Red Bull que se tornou campeã mundial de construtores e de pilotos entre 2010 e 2013. Nestes últimos dois anos, a Mercedes não deu hipóteses, seja no título de construtores, seja no título dos pilotos sendo que este ano deverá ser o terceiro titulo para a marca. De seguida, surgem as equipas campeãs mundiais listadas por ordem cronológica e com os pilotos que ajudaram com pontos à sua conquista.

1958 – Vanwall (Tony Brooks, Stirling Moss)

1959 – Cooper (Jack Brabham, Bruce McLaren, Stirling Moss)

1960 – Cooper (Jack Brabham, Bruce McLaren)

1961 – Ferrari (Phil Hill, Wolfgang von Trips)

1962 – BRM (Graham Hill)

1963 – Lotus (Jim Clark)

1964 – Ferrari (Lorenzo Bandini, John Surtees)

1965 – Lotus (Jim Clark)

1966 – Brabham (Jack Brabham)

1967 – Brabham (Jack Brabham, Denny Hulme)

1968 – Lotus (Jim Clark, Graham Hill, Jackie Oliver, Jo Siffert)

1969 – Matra (Jean-Pierre Beltoise, Jackie Stewart)

1970 – Lotus (Emerson Fittipaldi, Graham Hill, John Miles, Jochen Rindt)

1971 – Tyrell (François Cevert, Jackie Stewart)

1972 – Lotus (Emerson Fittipaldi)

1973 – Lotus (Emerson Fittipaldi, Ronnie Peterson)

1974 – McLaren (Emerson Fittipaldi, Mike Hailwood, David Hobbs, Denny Hulme, Jochen Mass)

1975 – Ferrari (Niki Lauda, Clay Regazzoni)

1976 – Ferrari (Niki Lauda, Clay Regazzoni)

1977 – Ferrari (Niki Lauda, Carlos Reutemann)

1978 – Lotus (Mario Andretti, Ronnie Peterson)

1979 – Ferrari (Jody Scheckter, Gilles Villeneuve)

1980 – Williams (Alan Jones, Carlos Reutemann)

1981 – Williams (Alan Jones, Carlos Reutemann)

1982 – Ferrari (Mario Andretti, Didier Pironi, Patrick Tambay, Gilles Villeneuve)

1983 – Ferrari (René Arnoux, Patrick Tambay)

1984 – McLaren (Niki Lauda, Alain Prost)

1985 – McLaren (Niki Lauda, Alain Prost, John Watson)

1986 – Williams (Nigel Mansell, Nelson Piquet)

1987 – Williams (Nigel Mansell, Nelson Piquet)

1988 – McLaren (Alain Prost, Ayrton Senna)

1989 – McLaren (Alain Prost, Ayrton Senna)

1990 – McLaren (Gerhard Berger, Ayrton Senna)

1991 – McLaren (Gerhard Berger, Ayrton Senna)

1992 – Williams (Nigel Mansell, Riccardo Patrese)

1993 – Williams (Damon Hill, Alain Prost)

1994 – Williams (David Coulthard, Damon Hill, Nigel Mansell, Ayrton Senna)

1995 – Benetton (Johnny Herbert, Michael Schumacher)

1996 – Williams (Damon Hill, Jacques Villeneuve)

1997 – Williams (Heinz Harald Frentzen, Jacques Villeneuve)

1998 – McLaren (David Coulthard, Mika Hakkinen)

1999 – Ferrari (Eddie Irvine, Mika Salo, Michael Schumacher)

2000 – Ferrari (Rubens Barrichello, Michael Schumacher)

2001 – Ferrari (Rubens Barrichello, Michael Schumacher)

2002 – Ferrari (Rubens Barrichello, Michael Schumacher)

2003 – Ferrari (Rubens Barrichello, Michael Schumacher)

2004 – Ferrari (Rubens Barrichello, Michael Schumacher)

2005 – Renault (Fernando Alonso, Giancarlo Fisichella)

2006 – Renault (Fernando Alonso, Giancarlo Fisichella)

2007 – Ferrari (Felipe Massa, Kimi Raikkonen)

2008 – Ferrari (Felipe Massa, Kimi Raikkonen)

2009 – Brawn (Rubens Barrichello, Jenson Button)

2010 – Red Bull (Sebastian Vettel, Mark Webber)

2011 – Red Bull (Sebastian Vettel, Mark Webber)

2012 – Red Bull (Sebastian Vettel, Mark Webber)

2013 – Red Bull (Sebastian Vettel, Mark Webber)

2014 – McLaren (Nico Rosberg, Lewis Hamilton)

2015 – McLaren (Nico Rosberg, Lewis Hamilton)

251 Visualizações 2 Total
251 Visualizações

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo

Flag Counter