Gostaria de ser nosso colaborador?

É especialista em alguma das áreas de conhecimento presentes na nossa enciclopédia? Tem gosto pela escrita? Gostaria de ser editor numa enciclopédia em português, integralmente escrita por especialistas? Gostaria de partilhar conhecimento?

Se a sua resposta é sim, então envie-nos o seu CV para geral@knoow.net para que possamos analisar e enviar mais detalhes sobre a forma de colaboração.

 

Áreas para as quais procuramos especialistas:

  •  História do Brasil
  •  História de Angola
  •  História de Moçambique
  •  Medicina
  •  Medicina Veterinária
  •  Filosofia
  •  Sociologia
  •  Contabilidade
  •  Direito
  •  Mecânica
  •  Química
  •  Física
  •  Matemática

 

 

Vencedores Classificação Geral Volta Suiça

A Volta a Suíça é uma das melhores e mais importantes provas do ciclismo mundial, fazendo parte do circuito do World Tour, categoria máxima do ciclismo de estrada, estabelecida pela União Ciclista Internacional. Disputa-se em meados de Junho desde o ano de 1933, com interrupções na organização da prova em 1940 e entre 1943 e 1945. É uma competição onde os ciclistas favoritos à conquista no Tour querem estar, servindo como preparação por estar a pouco menos de um mês da prova francesa. Ao todo, contempla nove dias de corrida sendo a prova do World Tour com mais dias de competição a seguir a Giro, Tour e Vuelta. Como a Suíça é um país montanhoso, a prova por etapas decide-se na montanha, contudo, é uma prova bastante completa, contendo etapas para todos os especialistas. Quanto ao historial de vencedores da competição, o italiano Pasquale Fornara é o actual recordista de vitórias na classificação geral da prova helvética, com quatro triunfos na década de 50. De seguida, surge os homens da casa, Ferdi Kubler e Hugo Koblet e o português Rui Costa, com três conquistas, sendo que o luso conseguiu esse feito de forma consecutiva. Mais nenhum português venceu mas Acácio da Silva esteve presente no pódio final da prova em 1984 e 1988 e liderou a prova em 1985, 1987 e 1988. O jovem ciclista da Astana, Miguel Angel Lopez, foi o último ciclista a conquistar a ronda suíça durante este ano. Aqui ficam por ordem cronológica, os vencedores da classificação geral individual da Volta a Suíça:

1933 – Max Bulla (Austria)

1934 – Ludwig Geyer (Alemanha)

1935 – Gaspard Rinaldi (França)

1936 – Henri Garnier (Bélgica)

1937 – Karl Litschi (Suiça)

1938 – Giovanni Valetti (Itália)

1939 – Robert Zimmermann (Suiça)

1940 – Não houve corrida

1941 – Josef Wagner (Suiça)

1942 – Ferdinand Kubler (Suiça)

1943 – Não houve corrida

1944 – Não houve corrida

1945 – Não houve corrida

1946 – Gino Bartali (Tebag)

1947 – Gino Bartali (Tebag)

1948 – Ferdinand Kubler (Tebag)

1949 – Gottfried Weilenmann (Cycles Wolf)

1950 – Hugo Koblet (Cilo)

1951 – Ferdinand Kubler (Tebag)

1952 – Pasquale Fornara (Cilo)

1953 – Hugo Koblet (Cilo)

1954 – Pasquale Fornara (Cilo)

1955 – Hugo Koblet (Faema-Cilo)

1956 – Rolf Graf (Tebag-Alpa)

1957 – Pasquale Fornara (Cilo-Toscanelli)

1958 – Pasquale Fornara (Cilo-Toscanelli)

1959 – Hans Junkermann (Feru-Sadexan)

1960 – Alfred Ruegg (Mittelholzer)

1961 – Attilio Moresi (Carpano)

1962 – Hans Junkermann (Torpedo-Fichtel and Sachs)

1963 – Giuseppe Fezzardi (Cynar)

1964 – Rolf Maurer (Cynar)

1965 – Franco Bitossi (Filotex)

1966 – Ambrogio Portalupi (Vittadello)

1967 – Gianni Motta (Molteni)

1968 – Louis Pfenninger (Zimba-Mondia)

1969 – Vittorio Adorni (Scic)

1970 – Roberto Poggiali (Salvarani)

1971 – Georges Pintens (Hertekamp-Magniflex)

1972 – Louis Pfenninger (Zonca)

1973 – Jose Manuel Fuente (Kas-Kaskol)

1974 – Eddy Merckx (Molteni)

1975 – Roger de Vlaeminck (Perfetti Van Melle)

1976 – Hennie Kuiper (TI-Raleigh)

1977 – Michel Pollentier (Flandria-Velda)

1978 – Paul Wellens (TI-Raleigh)

1979 – Wilfried Wesemael (TI-Raleigh)

1980 – Mario Beccia (Hoonved)

1981 – Beat Breu (Cilo-Aufina)

1982 – Giuseppe Saronni (Del Tongo)

1983 – Sean Kelly (Sem-France-Loire)

1984 – Urs Zimmermann (Cilo-Aufina)

1985 – Phil Anderson (Panasonic)

1986 – Andrew Hampsten (La Vie Claire)

1987 – Andrew Hampsten (7 Eleven Progetto Sunrise)

1988 – Helmut Wechselberger (Malvor-Bottecchia-Sidi)

1989 – Beat Breu (Domex-Weinmann)

1990 – Sean Kelly (PDM-Concorde)

1991 – Luc Roosen (Tulip Computers)

1992 – Giorgio Furlan (Ceramiche Ariostea)

1993 – Marco Saligari (Ceramiche Ariostea)

1994 – Pascal Richard (GB-MG Maglificio)

1995 – Pavel Tonkov (Lampre-Ceramiche Panaria)

1996 – Peter Luttenberger (Carrera Jeans-Tassoni)

1997 – Christophe Agnolutto (Casino)

1998 – Stefano Garzelli (Mercatone Uno-Bianchi)

1999 – Francesco Casagrande (Vini Caldirola)

2000 – Oscar Camenzind (Lampre-Daikin)

2001 – Sem vencedor atribuído

2002 – Alex Zulle (Team Coast)

2003 – Alexandre Vinokourov (Team Telekom)

2004 – Jan Ullrich (T-Mobile Team)

2005 – Aitor Gonzalez (Euskaltel-Euskadi)

2006 – Koldo Gil (Saunier Duval)

2007 – Vladimir Karpets (Caisse d´Epargne)

2008 – Roman Kreuziger (Liquigás)

2009 – Fabian Cancellara (Team Saxo Bank)

2010 – Frank Schleck (Team Saxo Bank)

2011 – Levi Leipheimer (Team Radio Shack)

2012 – Rui Costa (Movistar Team)

2013 – Rui Costa (Movistar Team)

2014 – Rui Costa (Lampre-Merida)

2015 – Simon Spilak (Team Katusha)

2016 – Miguel Angel Lopez (Astana)

 

Em 2001, Lance Armstrong, da US Postal, venceu a competição mas foi-lhe retirada mais tarde devido à confissão de uso de doping.

285 Visualizações 2 Total
285 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo