Bósforo

O Bósforo é um estreito localizado na Turquia, faz a separação entre a parte asiática e europeia do país.

Enquadramento do Bósforo:

O Bósforo é um estreito localizado na Turquia, faz a separação entre a parte europeia e asiática do país. É uma zona densamente povoada, a cidade de Istambul localiza-se nas margens do bosforo-jpgBósforo, é a única cidade do mundo, localizada entre dois Continentes. O estreito faz a ligação entre o Mar Negro, e de Mármara, tem aproximadamente trinta quilómetros, e varia entre 510 e 3 mil metros de largura, e os 34 e 124 metros de profundidade. As duas margens continentais de Istambul são, ligadas por duas pontes, e mais recentemente por um túnel.

O nome Bósforo, Passagem da Vaca, deriva da mitologia grega. Segundo a tradição grega, Zeus na tentativa de esconder uma amante de Hera, Io, transformou-a numa vaca branca, Hera acabaria por aperceber-se da artimanha do marido, e lançou uma mosca sugadora de sangue contra a vaca, o caminho percorrido pela vaca atormentada, daria origem ao estreito que liga o Mar Negro ao de Mármara.

Por ser o único ponto de ligação marítima com o Mar Negro, é uma importante rota de navegação mercantil, permitindo o contacto com países, como a Roménia, Bulgária Ucrânia ou Rússia. Esta importância vital e estratégica tornou o Bósforo, das regiões mais disputadas ao longo dos tempos. Uma das mais antigas rotas comerciais da humanidade, Rota da Seda, tinha a região envolvente ao estreito, como ponto de passagem essencial de bens e pessoas.

Várias civilizações controlaram a região, ao longo das eras. Embora grandes civilizações, como os Hititas já ocupassem a região, foi com os gregos que o Bósforo assumiu-se como um foco preponderando na política de várias nações e impérios. Os gregos atribuíram uma importância comercial ao Bósforo, a partir das transacções comerciais desenvolvidas no Mar Negro, quer com as suas colónias, quer com as diversas civilizações que ai proliferavam.

Após este desenvolvimento potenciado pela civilização helénica, vários povos e civilizações estabeleceram-se ou conquistaram a região, como aqueménidas, romanos e mais tarde otomanos. Durante a Época Medieval, o Bósforo tornou-se num dos principais locais de confronto entre cristãs e muçulmanos. O estreito cairia completamente em mãos muçulmanos, em 1453 com a queda de Constantinopla, e Império Bizantino ante o avanço turco otomano.

Alguns historiadores defendem, que terá sido neste estreito, por volta de 5000 a.C., que deu-se o diluvio descrito na Bíblia. Em termos científicos, ocorreu uma cheia no Bósforo, mas é apenas especulativa, a sua relação directa com a Bíblia.

356 Visualizações 1 Total
356 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo