Sociedade

Conceito de Sociedade: Sociedade é uma relação ecológica intraespecífica, isto é, indivíduos da mesma espécie unem-se tendo em vista o mútuo benefício…

Conceito de Sociedade

Sociedade é uma relação ecológica intraespecífica, isto é, indivíduos da mesma espécie unem-se tendo em vista o mútuo benefício de sobreviverem e reproduzirem-se. Este tipo de relação pressupõe uma organização hierárquica, na qual um grupo de indivíduos coopera entre si para o bem do grupo, de forma a proteger, alimentar e contribuir para a prevalência da espécie.

Na sociedade cada membro possui uma função específica que vai contribuir para o bem-estar geral, são exemplos deste tipo de interação, espécies como as formigas, as térmitas, muitos outros insetos, assim como algumas espécies de vertebrados, a toupeira ou os gorilas por exemplo.

Em sociedades existe um membro ou um pequeno grupo de membros que se reproduzem ativamente, enquanto os outros membros assumem outras funções como proteção, procurar alimento para todos ou mesmo cuidar dos novos descendentes. No exemplo de uma colmeia, existe um individuo que se reproduz, a rainha, enquanto as operárias executam todos os outros trabalhos relacionadas com o bem-estar da colmeia, as operárias são todas fêmeas, os machos têm como única função fecundar a rainha.

 Na criação de uma sociedade, como a descrita anteriormente, ocorreu uma especialização das caraterísticas funcionais dos seus membros, uma vez que cada membro está especificamente preparado para executar uma determinada função dentro da sociedade, essa especialização normalmente ocorre desde a fase larvar. No entanto, as funções praticadas pelos seus membros podem ser alteradas consoante as necessidade da sociedade. Entre as caraterísticas que distinguem os vários membros de uma sociedade estão a cor, o tamanho, a forma do corpo entre muitas outras, por exemplo, algumas das formigas que protegem o formigueiro produzem um veneno muito forte que não é produzido por mais nenhum elemento e que as auxilia na proteção do formigueiro.

Os indivíduos que compõem uma sociedade não são dependentes uns dos outros, podendo um dos membros abandona-la e posteriormente criar outra, algo que acontece por exemplo com as abelhas (ao fim de alguns anos a rainha abandona a sua colmeia com algumas operárias e posteriormente cria outra, enquanto na colmeia abandonada surge outra rainha).

Os níveis de organização podem ser muito rigorosos, em que cada elemento tem a sua função específica e nada mais, o que pode ser observado nas sociedades de insetos, ou então a sociedade pode apresentar um nível de organização menos rígido em que não ocorre uma tão grande especificação no que se refere à função de cada membro dentro da sociedade.

Não confundir esta relação com outra relação intraespecífica, a colónia, apesar de muito semelhantes estas duas relações diferem pois a sociedade não necessita que os seus membros estejam ligados entre si de forma física, apresentando assim uma maior liberdade de movimentos do que os indivíduos pertencentes às colónias.

1146 Visualizações 2 Total
1146 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo