Gostaria de ser nosso colaborador?

É especialista em alguma das áreas de conhecimento presentes na nossa enciclopédia? Tem gosto pela escrita? Gostaria de ser editor numa enciclopédia em português, integralmente escrita por especialistas? Gostaria de partilhar conhecimento?

Se a sua resposta é sim, então envie-nos o seu CV para geral@knoow.net para que possamos analisar e enviar mais detalhes sobre a forma de colaboração.

 

Áreas para as quais procuramos especialistas:

  •  Biologia
  •  Economia
  •  História
  •  Medicina
  •  Medicina Veterinária
  •  Filosofia
  •  Sociologia
  •  Contabilidade
  •  Direito
  •  Mecânica
  •  Química
  •  Física
  •  Matemática

 

Ediacara (Conceito, Definição, Significado, O que é)

Definição de Ediacara. Caracterização das formas de vida que ocorrem no registo fóssil do período Ediacariano.

O que é a Ediacara

Ediacara é o nome de uma região australiana rica em vestígios fósseis das primeiras formas animais mais complexas. A fauna de Ediacara ocorreu há cerca de 600 a 570 milhões de anos e contém os primeiros registos de diversos filos de organismos mais modernos. A época de Ediacara situa-se no início do Proterozóico tardio e é caracterizada pela ocorrência de diversos organismos marinhos. Não há outra época anterior a esta que tenha deixado um registo tão inequívoco da presença de vida animal.Ediacara

Pensa-se que os grupos modernos que se encontram representados entre os vestígios fósseis desta fauna serão o Porifera, Cnidaria, Echiura, Mollusca, Onychophora, Echinodermtata, diversas formas de anelídeos (incluindo, possivelmente, alguns pogonóforos) e, provavelmente, alguns dos registos estarão relacionados com artrópodes como, por exemplo, evidências de animais semelhantes a trilobites e sem corpo rígido. No entanto, nenhuma das formas animais que ocorreram na época Ediacariana pode ser assignada a um grupo moderno de forma inequívoca. É possível que esta fauna seja representativa de taxaextintos durante a transição entre o Proterozóico e o Câmbrico.

Registos fósseis

Os primeiros registos fósseis da fauna de Ediacara foram detectados na Terra Nova e na Namíbia, porém, a designação ‘Ediacara’ tem origem na descoberta de um elevado número de registos em Ediacara, na Austrália. Grande parte dos registos da fauna de Ediacara foram encontrados em águas pouco profundas, porém, há alguns registos de comunidades a maiores profundidades.

Pensa-se que os animais de Ediacara tinham um corpo mole dado que não há registos de fósseis de carapaças ou de conchas desta época. Mesmo os organismos que se assemelham a moluscos e a artrópodes parecem ter sido maioritariamente constituídos por parte moles. Há, no entanto, a ocorrência de algumas estruturas quitinosas, como mandíbulas e rádulas, pertencentes a organismos semelhantes a artrópodes e a moluscos. No entanto, vestígios de espículas silicosas pertencentes a esponjas foram reportados em depósitos australianos e chineses, pertencentes à a esta época.

Muitas destas formas animais pertencentes ao Proterozóico eram pouco complexas e possuíam uma simetria radiada, porém, algumas formas com simetria bilateral surgem num período mais tardio, e exibindo já órgãos internos. Após a época de Ediacara seguiu-se o período Câmbrico e uma grande explosão de diversidade de organismos constituídos por esqueleto.

1528 Visualizações 3 Total

References:

  • Póvoas, Liliana. (2011). Terra, Vida e extinções e Massa, em Uma aventura da Terra. Esfera do Caos. 1ª Edição.
  • Brusca, Richard C.  and Brusca, Gary J. (2002). Invertebrates. Sinauer Associates, 2ª Edição.
1528 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.