Chordata (Cordados), Filo

Este é um filo do Reino Animal que compreende animais que, pelo menos numa fase da sua vida, possuem corda dorsal, tubo nervoso dorsal e fendas branquiais.

Este é um filo do Reino Animal que compreende animais que, pelo menos numa fase da sua vida, possuem corda dorsal, tubo nervoso dorsal e fendas branquiais. Ao longo do desenvolvimento do organismo, estas estruturas podem manter-se, desaparecer ou modificar-se.

A corda dorsal é uma estrutura de suporte associada ao tubo nervoso. Este, por sua vez, dará origem ao sistema nervoso do animal. As fendas branquiais têm função respiratória durante o desenvolvimento embrionário. Em alguns animais mantêm-se, noutros acabam por desaparecer ou dar origem a outras estruturas ou órgãos.

São animais celomados (possuem celoma, uma cavidade que no indivíduo adulto alberga, ao nível do tórax e abdómen vários órgãos) e deuterostómios (o primeiro orifício formado no embrião dará mais tarde origem ao ânus). Apresentam sistema circulatório fechado, sistema digestivo completo e simetria bilateral.

Dentro dos Cordados podemos distinguir os seguintes grupos:

  • Sub-filo tunicados ou urocordados (exemplo: ascídia): a corda dorsal desaparece;
  • Sub-filo cefalocordados (exemplo: anfioxo): a corda dorsal permanece no indivíduo adulto;
  • Sub-filo vertebrados (peixes, aves, répteis, anfíbios, mamíferos): nestes animais, a corda dorsal modifica-se e passa a existir a coluna vertebral.
512 Visualizações 1 Total

References:

  • Hickman, C.P.; Roberts, L.S. & Larson, A. (2004). Princípios Integrados de Zoologia.
    Editora Guanabara Koogan S.A., Rio de Janeiro.
512 Visualizações

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo

Flag Counter