Aix galericulata (Pato-mandarim)

O pato-mandarim é uma ave pertencente à ordem dos Anseriformes. Apresenta uma belíssima plumagem multicolorida.

Caracterização de Aix galericulata (Pato-mandarim)

 

 Aix galericulata (Pato-mandarim)
Reino Filo Classe Ordem Família Género Espécie
Animalia Chordata Aves Anseriformes Anatidae Aix A. galericulata

 

Distrib. Geográfica Estatuto Conserv. Habitat Dieta Predação  Longevidade
Espécie nativa da Ásia. Introduzida na Europa. Pouco preocupante. Água doce e zonas florestadas. Insectos e sementes. A principal ameaça é a destruição de habitat. Cerca de 12 anos.

 

Características Físicas
Anatómicas Cabeça com coroa castanha e crista. Cauda arredondada, preta e curta. Bico vermelho e patas amarelas, curtas. A fêmea tem a cabeça cinzenta.
Dimorfismo Sexual O macho é bastante colorido, enquanto a fêmea é cinzenta e castanha.
Tamanho 41-47 cm.
Peso Entre 420-700 g.

O pato-mandarim é uma ave pertencente à ordem dos Anseriformes. tal como a negrinha ou o zarro-comum. Trata-se de uma espécie de pato de pequenas dimensões que coloniza habitats aquáticos como lagos e, por vezes, estuários.

800px-Mandarin.duck.arp

Pato-mandarim (Autor: Adrian Pingstone)

Características físicas

O macho é bastante colorido, com uma diversidade de tons que incluem o laranja, o amarelo, o verde e o castanho. Apresenta ainda, uma crista pendente na parte posterior da cabeça, e uma listra branca e espessa a envolver a região do olho. A nuca é verde, a região das patilhas é castanha e a zona dos flancos é alaranjada. As asas formam duas ‘velas’ cor de laranja, erguendo-se a partir da região dorsal. A fêmea é parda com os flancos malhados e apresenta uma cabeça cinzenta. Exibe uma listra supraciliar branca e fina. A crista da cabeça é mais pequena que a do macho.

Características comportamentais

O pato-mandarim é um animal gregário que pode constituir populações com cerca de 15 indivíduos. Efectua um voo directo e forte. Caminha, nada, levanta voo e pousa, tanto a partir do solo e da vegetação como da água.

Na época reprodutiva, constrói os seus ninhos em zonas ocas das árvores. Efectua uma postura anual entre os meses de Abril e Maio, e coloca cerca de 9 a 12 ovos de tom castanho-amarelado. O período de incubação tem a duração de 28 a 30 dias. As crias nascem cobertas de penugem e já activas. Efectuam o seu primeiro voo entre os 40 e os 45 dias de vida.

364 Visualizações 1 Total

References:

  • Gooders, John. (2003). Guia de campo das aves de Portugal e da Europa. Temas e debates, 4ª Edição.
  • Bruun, Bertel. (1993). Aves de Portugal e Europa. FAPAS.
  • On-line: BirdLife International. 2012. Aix galericulata. The IUCN Red List of Threatened Species 2012: e.T22680107A40697187. http://dx.doi.org/10.2305/IUCN.UK.2012-1.RLTS.T22680107A40697187.en. Downloaded on 02 March 2016.
  • On-line: Harris, M. 1999. “Aix galericulata” (On-line), Animal Diversity Web. Accessed March 02, 2016 at http://animaldiversity.org/accounts/Aix_galericulata/
364 Visualizações

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo