Desporto na terceira idade

O desporto na terceira idade apresenta diversos benefícios para quem adere a uma grande parte de modalidades em atividade física.

desportoidosos

Desporto na terceira idade

O desporto na terceira idade apresenta diversos benefícios para quem adere a uma grande parte de modalidades em atividade física. De acordo com a revisão da literatura podemos perceber em que medida é que os idosos podem usufruir dessa grande mais valia, para melhorar a sua qualidade de vida.

A atividade física é uma das chaves principais para a promoção da saúde em geral, e principalmente quando referente à prática do desporto por indivíduos na terceira idade (Santana, & Maia, 2009).

Segundo Borges e Moreira (2009) cada vez podemos observar mais idosos preocupados com a sua saúde e bem-estar, recorrendo, para isso à prática de atividade física e desporto.

Seguindo a mesma linha teórica, os estudos de Mazo, Cardoso e Aguiar (2006) e de Santana e Maia (2009) evidenciam a prática de desporto na terceira idade como uma das melhores promotoras da qualidade de vida.

Além da eficácia destas atividades, os idosos praticantes de desporto, tendem a relacionar-se melhor com a família e os amigos e a ter maior bem-estar geral (Mazo, Cardoso, & Aguiar, 2006).

“…saúde é um estado de pleno bem-estar físico, psíquico e social.”

(Organização Mundial de Saúde – OMS, 1947, cit in Borges, & Moreira, 2009, p.1).

Segundo os estudos de Mazo, Cardoso e Aguiar (2006) a maioria dos idosos quando questionados sobre a prática de desportos tais como a hidroginástica, principalmente no caso das mulheres, evidencia melhor autoestima, autoimagem, saúde física e saúde mental. Pode observar-se que o desporto realizado em meio líquido, proporciona com mais impacto a sensação de bem-estar geral, já que além de todas essas vantagens, ainda tem a mais valia da questão psicossocial que se mostra bastante significativa para o empenho em atividades de desporto (Mazo, Cardoso, & Aguiar, 2006; Santana, & Maia, 2009).

A fuga à dependência física de outrem leva a que muitos idosos procurem manter-se ativos, através do desporto, que estimula a sua qualidade de vida e aumenta a capacidade de resistência durante mais tempo e com mais potencial, mesmo quando a procura da prática do desporto acontece numa fase já mais adiantada de idade (Borges, & Moreira, 2009).

Para Santana e Maia (2009) a revisão bibliográfica permite concluir que a atividade física do desporto ajuda a lidar com situações da vida, a relacionarem-se com os seus pares, a melhorar a sua autoestima e ainda a adaptarem-se melhor ao seu ambiente.

De referir que o empenho do profissional responsável pela prática da modalidade de desporto escolhida pelos idosos, também influencia bastante a sua permanência nas aulas, o que leva à necessidade de procurar profissionais devidamente qualificados que motivem a prática do desporto na terceira idade, no sentido de obterem respostas motivadas e positivas (Mazo, Cardoso, & Aguiar, 2006).

Segundo os estudos de Santana e Maia (2009), por exemplo, desportos relacionados com caminhada, natação ou dança, promovem os níveis de saúde e de felicidade na terceira idade, devido ao prazer a eles associado.

No entanto há que lembrar o fato de a prática ou não prática de desporto está associada a fatores como a cultura, a etnia, a idade, o género, etc que, junto com a aprendizagem que os idosos fazem ao longo da vida e os fatores externos como o ambiente e o meio social, facilitarão ou dificultarão a motivação para a atividade física (Mazo, Cardoso, & Aguiar, 2006).

O sedentarismo acelera a diminuição de capacidade para desempenhar muitas tarefas diárias, o que leva o idoso a entregar-se à dependência de outrem (Borges, & Moreira, 2009).

Muitas vezes, é a própria autoimagem e a autoestima dos idosos, levam a que eles se entreguem ao sedentarismo porque associam o avançar da idade a algo negativo (Mazo, Cardoso, & Moreira, 2009).

Estes fatores advêm da experiência de vida do idoso que, quanto melhor for, mais positiva será a autoestima, quanto pior for a experiência de vida, menos boa a mesma será (Mazo, Cardoso, & Moreira, 2009).

Em outras situações, quando os idosos já passaram uma fase da sua vida a praticar algum exercício físico e depois abandonaram, os estudos indicam ausência de benefícios promotores de maior capacidade funcional, o que torna o desporto numa atividade que deve ser levada de forma contínua, sem interrupções (Borges, & Moreira, 2009).

Conclusão

Facilmente podemos perceber, que, de acordo com os estudos realizados na área do desporto e da terceira idade, tudo aponta para a melhoria da qualidade de vida dos indivíduos m fase geriátrica, em todos os sentidos. No entanto, devido às diferenças existentes nas culturas e nas sociedades, nem todos os idosos estão motivados e dispostos a empenhar-se na melhoria da sua qualidade de vida, a partir do exercício físico. Uma das formas chave de promover a consciência da eficácia do desporto, nestas populações, é haver um bom profissional de desporto que seja capaz de motivar as mesmas demonstrando-lhes os benefícios das atividades.

1368 Visualizações 1 Total

References:

  • Borges, M.R.D., & Moreira, A.K.(2009). Influências da prática de atividades físicas na terceira idade: estudo comparativo dos níveis de autonomia para o desempenho nas AVDs e AIVDs entre idosos ativos fisicamente e idosos sedentários. The influences of the physical activity practice on aging: A comparative study on the autonomy level for performance on DLAs and IADLs between the physically active and sedentary elderly. Motriz, Rio Claro, v.15n.3 p.562-573;
  • Mazo, G.Z., Cardoso, F.L., & Aguiar, D.L. (2006). PROGRAMA DE HIDROGINÁSTICA PARA IDOSOS: MOTIVAÇÃO, AUTO-ESTIMA E AUTO-IMAGEM. WATER GYMNASTICS PROGRAM FOR ELDERLY: MOTIVATION, SELF-STEAM AND SELF-IMAGE. Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano 8(2): 67-72.
  • Santana, M.S., & Maia, E.M.C. (2009). Atividade Física e Bem-Estar na Velhice. Senior citizen’s physical activity and welfare. [em linha] SCIELO – scielo.org. Revista de Salud Pública. 11(2): 225-236.
 
1368 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.