Gostaria de ser nosso colaborador?

É especialista em alguma das áreas de conhecimento presentes na nossa enciclopédia? Tem gosto pela escrita? Gostaria de ser editor numa enciclopédia em português, integralmente escrita por especialistas? Gostaria de partilhar conhecimento?

Se a sua resposta é sim, então envie-nos o seu CV para geral@knoow.net para que possamos analisar e enviar mais detalhes sobre a forma de colaboração.

 

Áreas para as quais procuramos especialistas:

  •  Biologia
  •  Economia
  •  História
  •  Medicina
  •  Medicina Veterinária
  •  Filosofia
  •  Sociologia
  •  Contabilidade
  •  Direito
  •  Mecânica
  •  Química
  •  Física
  •  Matemática

 

Aaron Beck

Aaron Beck, médico psiquiatra, nasceu em Providence, Estados-Unidos. Filho de emigrantes russos judeus, Aaron Beck é descrito em pequeno como forte e extrovertido. Sofreu uma doença grave aos 8 anos e depois dessa altura, tornou-se mais estudioso.

Estudou na Universidade de Brown e depois na Escola de medicina de Yale, graduando-se em1946. Começou a trabalhar no Hospital de Rhode Island mesmo antes de obter o diploma de psiquiatra, em 1953.

Por não sentir satisfeito com as respostas ao nível da psicologia clínica e da psicanalise, e a viver a revolução cognitiva, quando a psicologia experimental se centrava nos estudos dos processos mentais, Aaron Beck questionava a abordagem cognitiva, como melhor resposta terapêutica aos pacientes.

A terapia cognitiva centra-se no estudo da perceção da experiência pessoal. A eficácia do tratamento não está no inconsciente como na psicanalise mas no estudo de como se manifesta o transtorno nas perceções do paciente.

Aaron Beck defendia que os pacientes depressivos, em especial, faziam distorções da realidade através da sua apreensão sobre si mesmos e sobre a realidade – pensamentos automáticos – e essas distorções – cognições- não eram um sintoma de depressão mas a chave para a tratar. Aaron Beck começou a aplicar um modelo cognitivo aos seus pacientes, ao mesmo tempo que a psicologia experimental confirmava o predomínio da psicologia cognitiva. Assim, segundo Beck, a terapia cognitiva poderia ajudar os pacientes desmistificarem os pensamentos erróneos e crenças que os levaram à perturbação, ao sofrimento. O modelo cognitivo inventado por si poderia levar o paciente a entender a perceção parcial que estava na base do seu sofrimento bem como a encontrar uma forma mais ampla e mais real de pensar a mesma situação.

Aaron Beck é conhecido como o pai da Psicoterapia Cognitiva e inventor das escalas mundialmente conhecidas tais como a BDI – Escala de Depressão de Beck – e a BAI – Escala de Ansiedade de Beck. Aaron Beck criou o Instituto Beck em Filadélfia, para tratar pessoas a partir dos seus princípios para a terapia cognitiva.

Obras que mais de destacam:

  • Depression: Causes and Treatment, 1972
  • Cognitive Therapy and the Emotional Disorders, 1975
  • Depression: Clinical, Experimental and Theorical, 1980
  • Prisoners of Hate: The Cognitive Basis of Anger Hostility and Violence, 1999

Site de Aaron Beck : http://www.beckinstitute.org

Palavras-Chave: Aaron Beck, Terapia Cognitiva, BDI – Escala de Depressão de Beck –, BAI – Escala de Ansiedade de Beck. Percepção,

2493 Visualizações 6 Total

References:

  • Collin, C. et al (2014). O livro da Psicologia (rev.trad.Sousa,S.). Barcarena: Marcador Editora
  • Larousse-Bordas (2007). Dicionário Temático Larousse – Psicanalise ( Dir. Pajouès, J.). Porto Alto: Temas e Debates
  • Laplanche, J. & Pontalis, J.-B. (1990) Vocabulário de Psicanalise. Lisboa: Editorial Presença (obra original publicada em 1967)
  • Roudinesco, E. & Plon, M. (2000). Dicionário de Psicanalise. Lisboa: Editorial Inquérito. (obra original publicada em 1997)
2493 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo