Gostaria de ser nosso colaborador?

É especialista em alguma das áreas de conhecimento presentes na nossa enciclopédia? Tem gosto pela escrita? Gostaria de ser editor numa enciclopédia em português, integralmente escrita por especialistas? Gostaria de partilhar conhecimento?

Se a sua resposta é sim, então envie-nos o seu CV para geral@knoow.net para que possamos analisar e enviar mais detalhes sobre a forma de colaboração.

 

Áreas para as quais procuramos especialistas:

  •  Biologia
  •  Economia
  •  História
  •  Medicina
  •  Medicina Veterinária
  •  Filosofia
  •  Sociologia
  •  Contabilidade
  •  Direito
  •  Mecânica
  •  Química
  •  Física
  •  Matemática

 

A Interpretação dos Sonhos

Apresentação de «A Interpretação dos Sonhos», uma das obras de Psicanálise mais conhecidas de Sigmund Freud…

a-interpretacao-dos-sonhos

«A Interpretação dos Sonhos» é uma das obras mais conhecidas de Sigmund Freud, tendo sido publicada em 1899, mas com a data de 1900. O método da interpretação dos sonhos, a sua formação, função e o trabalho do sonho vinca a popularidade desta obra. Também neste livro surge a primeira tópica – o sistema inconsciente-pré-consciente-consciente -. O acesso ao inconsciente e o passar do recalcamento leva-nos ao conteúdo latente e aquilo que é lembrado, leva-nos ao conteúdo manifesto. É pelo material das suas consultas, os seus pacientes, em especial através das suas associações, da sua hipnose e dos sonhos que o autor argumenta na prática a teorização patente neste livro.

Nesta obra podemos ainda ver abordados os métodos de interpretação simbólica e o método de decifração na análise dos sonhos. A primeira diz respeito ao material do sonho que é substituído por outro análogo e portanto deverá ser analisado pela interpretação simbólica do material. A segunda diz respeito ao facto do autor tratar o material do sonho como um texto codificado no qual cada sinal ou elemento pode ser traduzido. É possível ainda ler os processos de figuração no sonho e por fim a conceptualização de inconsciente, a oposição entre processo primário e processo secundário. Esta obra encontra-se repleta de conceções inovadoras para a ciência Psicanálise, sendo uma das mais importantes obras de Sigmund Freud.

1105 Visualizações 2 Total
1105 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo