Osteoartrose

Apresentação da Osteoartrose… A osteoartrose, também conhecida por artrose caracteriza-se uma doença articular degenerativa, onde (…)

Conceito de Entorse Tibio-Társica

A entorse da tíbio-társica, também chamada entorse do pé ou tornozelo é uma lesão que acontece muito frequentemente entre desportistas através da corrida, saltos, mudanças de direção, entre outros.

Esta caracteriza-se por um movimento exagerado de torção da articulação na qual resulta uma distensão/ rotura de uma ou várias estruturas presentes na articulação.

A forma de lesão mais habitual é a entorse em inversão.

Existem diferentes tipos de gravidade de entorse estando esta dividida em 3 graus. O grau I define-se por uma lesão leve, com formação de um reduzido edema, com rotura ligeira de apenas algumas estruturas e com um rápido retorno à vida ativa. O grau II define-se por uma lesão moderada, com rotura de uma maior quantidade de estruturas e um aparecimento rápido de edema e hematoma. Por fim, o grau III, define-se por uma lesão grave, com rotura total das estruturas lesadas, perda da capacidade de deambulação e imediato aparecimento de edema e hematoma, sendo o tratamento cirúrgico o recurso mais provável para solucionar a patologia em causa.

Entre os sintomas mais habituais estão: a dor, tumefação e a incapacidade funcional.

Em termos de tratamento, partindo do despiste de alguma fratura através de um Raio X, o tratamento fisioterapêutico é o mais indicado.

Desta forma, deverá ser colocado em prática o PRICE:

  • Proteção: realizar ligadura funcional de forma a controlar o movimento articular e proteger a articulação, permitindo algum movimento sem dor. O aconselhamento do uso de 1 ou 2 canadianas também se poderá justificar.
  • Repouso: será diferente tendo em conta o grau de gravidade.
  • Ice (gelo): dependendo do grau da entorse o gelo (crioterapia), deverá ser realizado nas primeiras 48 a 72h.
  • Compressão: deverá ser realizada compressão da zona edemaciada (ligadura funcional).
  • Elevação: Colocar o pé elevado, preferencialmente acima do nível do coração, facilitando assim o retorno venoso

Após este tempo, deverá ser consultado um Fisioterapeuta, para que este realize o tratamento adequado a cada situação.

Muitas das vezes é necessário o aconselhamento médico e recorrer a medicação analgésica e / ou anti-inflamatória de forma a controlar a dor e o edema da Entorse.

 Nota: Nunca aplicar calor e continuar a atividade com dor.

530 Visualizações 1 Total
530 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.