Ácido de Bronsted

Conceito de Ácido de Bronsted: Ácido de Bronstead (por vezes designado como ácido de Lowry), é, de forma simplificada, qualquer substância…

Conceito de Ácido de Bronsted

Ácido de Bronstead (por vezes designado como ácido de Lowry), é, de forma simplificada, qualquer substância química que tende a ceder protões (iões H+).

Esta designação é empregue quando se considera a teoria ácido-base de Bronsted-Lowry, utilizada para descrever o mecanismo de reação entre ácidos e bases e descrita, simultaneamente em 1923, pelos químicos Johannes Nicolaus Bronsted (Varde, Dinamarca, 22 de fevereiro de 1879  – 17 de dezembro de 1947) e Thomas Martin Lowry (Bradford , Inglaterra, 26 de Outubro de 1874 – 2 de Novembro de 1936).

Segundo esta teoria, numa reação ácido-base, as espécies químicas adotam comportamentos complementares, ou seja, uma dada espécie química comportar-se-á como ácido na presença de uma outra espécie que se comporte como base. Isto é o mesmo que dizer que há a formação de pares conjugados numa reação deste tipo- o ácido cede protões a uma base que os recebe.

Uma forma de escrever, genericamente, uma reação ácido-base segundo Bronsted-Lowry, será:

Ácido + Base Base conjugada + Ácido conjugado

em que a base conjugada é a espécie química que resulta da perda de um protão pelo ácido de Bronsted e o ácido conjugado é a que resulta do ganho desse mesmo protão pela base de Bronsted.

É de notar que a base conjugada de um ácido forte é uma base fraca e vice-versa. Quanto mais forte for a base, mais fraco será o ácido conjugado, e, da mesma forma, quanto mais forte for o ácido conjugado, mais fraca será a base.

O corolário da existência de pares conjugados é que uma espécie descrita como ácido numa reação pode tornar-se a base noutra, de acordo com a espécie com a qual reage.

O exemplo mais comummente utilizado deste fato é a água, que se pode comportar, alternadamente como ácido ou como base.

Tomando como exemplo, uma reação da água com o ácido clorídrico, teremos a água a comportar-se como base de Bronsted, porque recebe um protão:

H2O(l) + HCl(aq)  Cl(aq) + H3O+(aq)

Genericamente, a água será uma base em reações do tipo:

H2O(l) + HA(aq)  A(aq) + H3O+(aq)

em que HA é o ácido de Bronsted e A a sua base conjugada.

Por outro lado, no exemplo de uma reação da água com a amónia, teremos a água a comportar-se como ácido de Bronsted, na medida em que cede um protão:

H2O(l) + NH3(aq)  OH(aq) + NH4+(aq)

Genericamente, a água será um ácido em reações do tipo:

H2O(l) + B(aq)  OH(aq) + BH4+(aq)

em que B é a base de Bronsted e BH+ o seu ácido conjugado.

Substâncias que, tal como a água, se podem comportar como ácidos ou como bases, são chamadas de anfóteras ou substâncias anfotéricas.

386 Visualizações 1 Total
386 Visualizações

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo