As Crónicas de Nárnia

As Crónicas de Nárnia é o título da saga de sete romances escritos por C. S. Lewis nos anos 1940 e 1950. Alguns dos livros foram transformados em filmes.

O que são As Crónicas de Nárnia?

O termo As Crónicas de Nárnia refere-se a série de sete romances do autor irlandês Clive Staples Lewis, conhecido como C. S Lewis. Os livros são a obra mais conhecida do escritor, tendo vendido mais de 120 milões de cópias no mundo e atingindo diversas listas de top sellers.

Traduzida para 41 idiomas diferentes, As Crónicas de Nárnia figuram, hoje, entre os clássicos da literatura e as obras mais bem-sucedidas dos anos 1950. Os sete livros foram escritos entre 1949 e 1954 e tiveram adaptações para o rádio, a televisão, o teatro e, mais recentemente, o cinema.

Além dos tradicionais temas cristãos, a série usa elementos da mitologia grega e nórdica, bem como os tradicionais contos de fadas. Mesmo que C. S. Lewis escrevesse e desenhasse muito bem desde pequeno, ele pediu para Pauline Baynes ilustrar seus livros. Pauline já tinha ilustrado o último livro do autor J. R. R. Tolkien, apesar de ter menos de trinta anos de idade.

As Crónicas de Nárnia

São estes todos os livros da coleção de As Crónicas de Nárnia:

  • O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa
  • Príncipe Caspian
  • A Viagem do Peregrino da Alvorada
  • A Cadeira de Prata
  • O Cavalo e seu Menino
  • O Sobrinho do Mago
  • A Última Batalha

A saga – As Crónicas de Nárnia

S. Lewis começou a conceber o primeiro livro da saga As Crónicas de Nárnia, O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa, em 1939. Curiosamente, o escritor não escreveu os livros na mesma ordem em que eles foram publicados. Também os romances não se encontram em ordem cronológica.

A história se passa durante a Segunda Guerra Mundial. Naquela época, muitas crianças foram evacuadas para regiões centrais da Irlanda e Inglaterra, em especial no interior. Isso foi feito para evitar que os ataques nazistas destruíssem grandes cidades, como Londres. Por causa disso, C. S. Lewis, que morava no interior de Oxford, se viu rodeado de crianças.

Encantado com as fantasias que as crianças lhe contavam, o autor dedicou-se então a escrever sobre elas. No primeiro volume, ele apresenta quatro irmãos: Ann, Martin, Rose e Peter. O grupo, assim como outras crianças, teve de ser evacuado de Londres e foi trazido para habitar uma casa no campo.

Os pais dos irmãos estavam envolvidos com a guerra e o exército e eles ficam na casa com um professor muito velhinho, conhecido da mãe deles. Entediadas, as crianças descobrem um curioso guarda-fatos que serve de portal para o mundo mágico do Reino de Nárnia.

Em todos os livros, com exceção de O Cavalo e seu Menino, os personagens principais são crianças humanas, que são magicamente transportadas para Nárnia a fim de serem ajudadas e instruídas pelo Grande Leão conhecido como Aslam (ou Aslan, dependendo da tradução).

As Crónicas de Nárnia

Como ler As Crónicas de Nárnia

Muitas pessoas defendem que a ordem de leitura é a mesma que a de publicação. Assim como na saga de George Lucas, Star Wars, o correto seria ignorar a ordem cronológica. Outras pessoas dizem que é mais fácil compreender as ideias de C. S. Lewis lendo as obras pela ordem cronológica dos eventos.

Ordem de Publicação Ordem Cronológica
Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa O Sobrinho do Mago
Príncipe Caspian O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa
A Viagem do Peregrino da Alvorada O Cavalo e seu Menino
A Cadeira de Prata Príncipe Caspian
O Cavalo e seu Menino A Viagem do Peregrino da Alvorada
O Sobrinho do Mago A Cadeira de Prata
A Última Batalha A Última Batalha

As Crónicas de Nárnia

Filmografia

Uma versão cinematográfica de O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa, produzido pela Walden Media e distribuído pela Walt Disney Pictures, foi lançado em dezembro de 2005. O filme chama-se As Crônicas de Nárnia: O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa e conquistou muitos fãs, trazendo ainda mais notoriedade à série literária.

Dirigido por Andrew Adamson, o roteiro do longa foi escrito por Ann Peacock e as gravações foram feitas em lugares da Polônia, República Checa e Nova Zelândia. O filme ficou popular por seus grandes e belos efeitos especiais, usados principalmente para criar algumas criaturas ficcionais, arrecadando mais de 745 milhões de dólares mundialmente.

27 Visualizações 1 Total

References:

Gopnik, Adam. (2005). Prisoner of Narnia. The New Yorker.

Ward, Michael. (2008). Planet Narnia: The Seven Heavens in the Imagination of C. S. Lewis. Oxford University Press.

27 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.

 

 

Knoow - a divulgar conhecimento pelo mundo