Rima

Definição de “rima” e exposição das suas classificações

Uma rima é a repetição de uma sequência de sons no fim de dois ou mais versos. Embora menos frequente, também se pode manifestar no meio do verso.

A rima pode ser interna, caso ocorra no interior do verso, ou externa, caso ocorra no fim dos versos. Também se classifica como consoante, ou toante, caso haja, respetivamente, correspondência de sons consonânticos e vocálicos a partir da última vogal tónica dos versos (inclusive), ou apenas da vogal tónica dos versos. Ainda se classifica como pobre, caso ocorra entre palavras pertencentes à mesma classe gramatical, ou como rica, caso ocorra entre palavras pertencentes a classes gramaticais diferentes, ou seja, quando, por exemplo, um adjetivo rima com um verbo.

Quanto ao esquema rimático, que é o padrão que resulta da rima externa de um poema, este pode apresentar uma rima cruzada, emparelhada, interpolada, ou misturada.

A rima cruzada ocorre quando as palavras em fim de sílaba rimam em versos alternados (abab), a rima emparelhada ocorre quando as palavras que rimam se encontram no final de dois versos seguidos, ou seja, rimam em par (aabb), a rima interpolada ocorre quando as palavras que rimam estão separadas por dois ou mais versos (abba) e, por fim, a rima designada misturada ocorre quando a rima não apresenta um padrão, ou um esquema rimático regular.

Caso um poema não apresente qualquer rima, os versos são designados brancos ou soltos.

113 Visualizações 2 Total
113 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.