O Knoow está alojado no Stablehost... confiável, robusto e com excelentes preços. Aconselhamos vivamente!

Procuramos Delegados Comerciais

Procuramos colaboradores (M/F) com espírito empreendedor.

Portugal e Brasil

Comissões até 33%

Candidaturas com CV para geral@knoow.net

 

Advérbio (Conceito, Definição, Significado, O que é)

O que é um Advérbio: Advérbio é a designação dada a uma classe gramatical de palavras de língua portuguesa cuja função é a de modificar um verbo, um…

O que é um Advérbio

Advérbio

Advérbio é a designação dada a uma classe gramatical de palavras de língua portuguesa cuja função é a de modificar um verbo, um adjetivo ou até mesmo outro advérbio (e raramente ou nunca modifica um nome ou substantivo). É uma palavra de carácter invariável e que indica as circunstâncias ou contexto em que uma determinada ação verbal acontece ou aconteceu.

Os advérbios podem ser flexionados mas só no caso dos advérbios da categoria de intensidade, dos advérbios de lugar e dos advérbios de modo sendo que os restantes advérbios são todos de carácter invariável. A flexão de grau é a única categoria na qual o advérbio pode ter flexão sendo que varia em grau:

  • Superlativo Relativo de Superioridade: quando o advérbio aumenta a intensidade da ação verbal como por exemplo no caso de: longe – longíssimo; pouco – pouquíssimo; inconstitucionalmente – inconstitucionalissimamente.
  • Superlativo Relativo de Inferioridade: quando o advérbio diminui a intensidade da ação verbal como por exemplo no caso de: perto – pertinho; pouco – pouquinho; devagar – devagarinho.

No caso do advérbio ‘bem’ e do advérbio ‘mal’ podem ainda admitir a flexão em grau no modo comparativo sendo que ‘bem’ se transforma em ‘melhor’ e ‘mal’ se transforma em ‘pior’. O grau de um advérbio pode também ser representado de forma não flexionada, ou seja, através de advérbios de intensidade tais como ‘mais’, ‘muito’ e etc. No caso dos advérbios não flexionados, os mesmos podem variar de grau comparativo de igualdade, de superioridade e de inferioridade, e em grau superlativo absoluto e relativo.

Advérbios e a sua classificação

A classificação dos advérbios é efetuada consoante a circunstância que pretendem expressar. Os advérbios de Língua Portuguesa segundo a ‘Norma Gramatical Portuguesa’ podem agrupar-se em sete grupos na categoria de advérbio sendo eles os seguintes: advérbio de lugar, advérbio de tempo, advérbio de modo, advérbio de negação, advérbio de dúvida, advérbio de intensidade e advérbio de afirmação.

Advérbios de Modo

Assim, bem, mal, acinte (ou seja, de propósito ou deliberadamente), adrede (no caso em que foi pensado, de propósito, para esse determinado fim), debalde (inutilmente), depressa, devagar, melhor, pior, como, desapontadoramente, generosamente, cuidadosamente, calmamente e muitos mais advérbios com o sufixo «mente».

Locuções Adverbiais de Modo

Às pressas, às claras, às cegas, à toa, à vontade, às escondidas, aos poucos, desse jeito, desse modo, dessa maneira, em geral, frente a frente, lado a lado, a pé, de cor, em vão.

Advérbios de Lugar

A distância, à distância de, em cima, à direita, à esquerda, ao lado, em volta, por aqui, em baixo, ao meio, em algum lugar.

Advérbios de tempo

Afinal, agora, amanhã, amiúde (da expressão a miúdo – repetidas vezes, frequentemente), antes, ontem, breve, cedo, constantemente, depois, enfim, entrementes (enquanto isso), hoje, imediatamente, jamais, nunca, sempre, outrora, primeiramente, tarde, provisoriamente, sucessivamente e já.

Locuções Adverbiais de tempo

Às vezes, à (de) tarde, à (de) noite, de manhã, de repente, de vez em quando, de quando em quando, a qualquer momento, de tempos em tempos, em breve, hoje em dia.

Advérbios de Negação

Não, tampouco (também não), negativamente, jamais e nunca.

Locuções adverbiais de negação

De modo algum, de jeito nenhum, de forma nenhuma

Advérbios de Afirmação

Sim, certamente, realmente, decerto, certo, efetivamente, incontestavelmente.

Locuções adverbiais de afirmação

De certeza, com certeza, sem dúvida.

Advérbios de Dúvida

Acaso, casualmente, possivelmente, provavelmente, talvez, quiçá, será.

Locuções adverbiais de dúvida

Por certo, quem sabe, às vezes.

Advérbios de Grau (Intensidade) e de Quantidade

Assaz (bastante, suficientemente), bastante, demais, mais, menos, bem, muito, quanto, quão, quase, tanto, pouco, demasiado, imenso.

Locuções adverbiais de intensidade ou quantidade

Em excesso, de todo, de muito, por completo, por demais.

Advérbios e a sua flexão

A flexão dos advérbios é em grau, uma vez que são invariáveis em género e em número. Desse modo, tal como os adjetivos, os advérbios admitem 2 graus: superlativo e comparativo.

Grau Comparativo

  • Comparativo de Igualdade: forma-se através de «tão» + advérbio + quanto (como)
  • Comparativo de Inferioridade: forma-se através de «menos» + advérbio + que (do que)
  • Comparativo de Superioridade: forma-se através de «mais» + advérbio + que (do que)

Grau Superlativo

  • Absoluto Analítico: é acompanhado por outro advérbio, por exemplo: «O João fala muito alto.»
  • Absoluto Sintético: é formado através de sufixos, por exemplo: «O João fala altíssimo.»
  • Relativo de Inferioridade: «O João é o menos alto de todos.»
  • Relativo de Superioridade: «O João é o mais alto de todos.»
301 Visualizações 5 Total
301 Visualizações

A Knoow é uma enciclopédia colaborativa e em permamente adaptação e melhoria. Se detetou alguma falha em algum dos nossos verbetes, pedimos que nos informe para o mail geral@knoow.net para que possamos verificar. Ajude-nos a melhorar.